Regredindo? Ministro diz que ideia de que o Brasil pode voltar ao 'Mapa da Fome' é factoide O mapa reúne países que têm mais de 5% da população ingerindo menos calorias do que o recomendável

Por: AE

Publicado em: 16/08/2018 22:16 Atualizado em:

O ministro citou dados sobre aumento de poder de compra pelo Bolsa Família, de 20%, para contestar a possibilidade do País voltar à lista da ONU. Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
O ministro citou dados sobre aumento de poder de compra pelo Bolsa Família, de 20%, para contestar a possibilidade do País voltar à lista da ONU. Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
O ministro do Desenvolvimento, Alberto Beltrame, disse nesta quinta-feira (16) que a ideia de que o Brasil possa estar de volta ao chamado "Mapa da Fome" é um factoide. O ministro citou dados sobre aumento de poder de compra pelo Bolsa Família, de 20%, para contestar a possibilidade do País voltar à lista da ONU (Organização das Nações Unidas), de onde saiu em 2014. O mapa reúne países que têm mais de 5% da população ingerindo menos calorias do que o recomendável.

Ele disse que o governo está contrariando "frontalmente essa especulação" e que tem convicção de que no relatório da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), que será divulgado em outubro em Roma (Itália), o Brasil continuará de fora deste mapa. "Há uma divulgação intencional dessa informação no sentido de criar um factoide", disse. "Tem havido um uso dentro do clima eleitoral de uma informação absolutamente falsa", completou.

Beltrame participou nesta tarde de uma reunião com o presidente Michel Temer e outros ministros para passar um balanço de ações feitas por cada uma das pastas e realizar um levantamento sobre medidas a serem tomadas nesses últimos meses de governo. Os ministros têm nova reunião agendada com Temer daqui duas semanas.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.