• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Brasília Registro de Aécio na UTI foi colocado sob sigilo no sistema do hospital Ele chegou ao hospital às 8h da manhã com muita dor de cabeça e náuseas

Por: Correio Braziliense

Publicado em: 13/04/2018 20:26 Atualizado em:

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
O senador Aécio Neves (PSDB-MG) passou boa parte da manhã na UTI do Hospital Santa Lúcia, em Brasília. Ele chegou ao hospital às 8h da manhã com muita dor de cabeça (cefaleia) e náuseas. Depois de passar por uma série de exames, foi para o quarto. Às 14h30, recebeu alta. 

O registro da internação de Aécio, porém, foi retirado do sistema do hospital. Segundo fontes, foi uma forma de preservar o senador, uma figura pública que está no centro de uma investigação da Operação Lava-Jato. Em 17 de abril, o Supremo Tribunal Federal (STF) analisará uma denúncia contra ele.

Segundo o Blog do Vicente, fontes disseram que a internação na UTI é procedimento comum no caso de autoridades, para evitar qualquer problema. Mas o caso de Aécio chamou a atenção dos médicos, pois ele reclamava muito de dores e náuseas.

Assim que deixou o hospital, o senador voltou para casa. Ele terá que fazer uma nova bateria de exames para ver qual a razão do mal estar.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.