• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Posse Felipe Ferreira Lima assume SPU em Pernambuco Advogado e professor também é presidente do diretório do PPS de Recife

Publicado em: 04/12/2017 23:02 Atualizado em: 04/12/2017 23:07

O advogado e professor Felipe Ferreira Lima (PPS) é o novo superintendente da Secretaria do Patrimônio da União (SPU) em Pernambuco. Crédito: foto divulgação
O advogado e professor Felipe Ferreira Lima (PPS) é o novo superintendente da Secretaria do Patrimônio da União (SPU) em Pernambuco. Crédito: foto divulgação

O advogado e professor Felipe Ferreira Lima (PPS) é o novo superintendente da Secretaria do Patrimônio da União (SPU) em Pernambuco. O órgão é vinculado ao Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão. A nomeação do pós-comunista foi publicada nesta segunda-feira (04) no Diário Oficial da União (DOU).

Ferreira Lima já cumprirá a primeira missão pelo órgão entre os dias 06 e 08 de dezembro, em Brasília, quando participará de reuniões de planejamento estratégico da SPU para 2018. O órgão é responsável por administrar, fiscalizar e outorgar a utilização, nas condições permitidas em lei, dos imóveis da União, em cumprimento com as questões socioambientais e estratégicas.

“Precisamos elaborar uma agenda positiva para a SPU em Pernambuco, destacando ações importantes que influenciam diretamente na organização urbana, social e ambiental dos nossos municípios. É necessário, dentro dos limites da lei, ir além das medidas meramente burocráticas”, disse.

Presidente do Partido Popular Socialista-PPS no Recife, Felipe Ferreira Lima é mestre em Ciências Jurídico-Políticas pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. De família com tradição política na redemocratização do país, é sobrinho do ex-deputado constituinte Egídio Ferreira Lima e, atualmente, ocupa a terceira suplência a vereador do Recife. Ele está cotado para disputar uma vaga na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.