• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
TCE Marcos Loreto foi eleito por aclamação para ser novo presidente do TCE Ele tomará posse no dia 10 de janeiro próximo em substituição ao conselheiro Carlos Porto

Publicado em: 30/11/2017 06:00 Atualizado em: 29/11/2017 21:51

O conselheiro Marcos Loreto foi eleito por aclamação, ontem, como presidente do Tribunal de Contas de Pernambuco para o biênio 2018-2019. Ele tomará posse no dia 10 de janeiro próximo em substituição ao conselheiro Carlos Porto. Em ele agradeceu a confiança dos colegas, na sua primeira manifestação no pleno após a eleição, e prometeu realizar uma “gestão de continuidade”, pautada no planejamento estratégico do órgão. Frisou, ainda, que sua principal prioridade será a “intransigência” no combate à corrupção.

“Temos vários instrumentos de orientação aos gestores públicos, como o site 'Tome conta', por exemplo, e agora devemos caminhar no sentido de sermos intransigentes no combate à corrupção. É isto o que a sociedade espera de nós”, disse o presidente eleito. Ele foi chefe de gabinete de Eduardo Campos, falecido em agosto de 2014, e é primo da ex-primeira-dama Renata Campos.

Também foram eleitos o conselheiro Dirceu Rodolfo para a vice-presidência, o conselheiro João Carneiro Campos para a Corregedoria, o conselheiro Ranilson Ramos para a diretoria da Escola de Contas, a conselheira Teresa Duere para a Ouvidoria, o conselheiro Valdecir Pascoal para a presidência da Primeira Câmara e o conselheiro Carlos Porto para a presidência da Segunda. Todos foram eleitos por unanimidade

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.