• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Outros nomes podem surgir para 2018, avalia empresário

Por: Agência Estado

Publicado em: 25/11/2017 08:59 Atualizado em:

O empresário Eduardo Mufarej, idealizador do movimento RenovaBR, que apoia a formação de novas lideranças políticas, afirmou que, se o apresentador Luciano Huck não confirmar a sua candidatura à Presidência em 2018, outros nomes poderão ocupar o mesmo espaço.

“Hoje, a sociedade está pedindo um candidato de fora da política porque existe uma fadiga com a política tradicional e o Luciano é um personagem nacional, conhecido em todos os lugares, que tem uma empatia gigantesca com a população. Isso é que traz essa reação positiva em relação ao nome dele”, disse, em referência à pesquisa Barômetro Político Estadão-Ipsos, divulgada na quinta-feira (23), na qual o apresentador da TV Globo aparece com 60% de aprovação, a maior do levantamento. “Mas, se não for o Luciano, há outras pessoas, como o João Dionísio Amoêdo, pré-candidato do Novo, que teve a coragem e a disposição de criar um partido com o objetivo de renovar a política no País.”

Embora deseje ser candidato, Huck está reticente porque não deseja comprometer sua carreira na mídia caso não seja o vencedor no pleito. A TV Globo já teria definido que ele terá de decidir se vai ou não concorrer até o fim de dezembro - e, em caso de resposta positiva, já teria lhe dito que não haverá volta à emissora.

“O Luciano é uma pessoa que sabe ouvir muito bem, aberta, moderna, com uma visão contemporânea do papel do Estado na sociedade, e acredito que ele ou outras pessoas que tenham uma visão análoga, dariam ao Brasil uma importante vantagem no novo ciclo que se inicia em 2018”, disse Mufarej. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.