• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
PMDB Raul Henry é novo secretário de Desenvolvimento Econômico Articulação dos caciques peemedebistas vinha sendo feita nos bastidores com o governador Paulo Câmara

Por: Larissa Rodrigues - Diario de Pernambuco

Publicado em: 13/01/2017 21:13 Atualizado em: 13/01/2017 21:21

Vice-governador assume pasta semana que vem. Hesiodo Goes/Esp. DP.
Vice-governador assume pasta semana que vem. Hesiodo Goes/Esp. DP.
O vice-governador Raul Henry (PMDB) foi o escolhido pelo governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), para assumir a Secretaria de Desenvolvimento Econômico do estado. A posse será na próxima semana, em dia a ser definido por Câmara. O anúncio, na tarde desta sexta-feira (13), reverberou as negociações que vinham sendo feitas entre os caciques do PMDB, como Jarbas Vasconcelos e o próprio Raul, com Paulo. Era objetivo do partido maior espaço na gestão socialista, com o argumento do empenho da legenda na campanha de reeleição do prefeito Geraldo Julio (PSB), com o envolvimento de suas principais lideranças.

“Raul tem experiência, dimensão, capacidade de gestão, a nossa confiança política e a interlocução necessária em Pernambuco e no Brasil para os desafios do mundo globalizado, pré-requisitos fundamentais a uma secretaria como a de Desenvolvimento Econômico”, afirmou Câmara, por meio de nota.

Também na próxima semana, o novo secretário deve se reunir com o anterior, Thiago Norões, para ouvir o diagnóstico da pasta e elencar prioridades. Henry acredita que não haverá dificuldade para conciliar as duas funções. “Vice é uma função de caráter muito institucional. Essa (de secretário) tem um caráter mais executivo. Não terá problema”. De acordo com ele, não houve exigência do PMDB ao governo.

“Temos uma relação muito boa com Paulo, não fizemos nenhum tipo de cobrança a ele, que tem sido exemplar como governador, com muito espírito público. O que houve foi uma convocação dele para ajudarmos exercendo funções executivas e aceitamos”, ressaltou Henry. Na opinião dele, o desafio, não só de Pernambuco mas do Brasil, é retomar o crescimento econômico.

Thiago Norões destacou que o estado se estruturou para isso. O ex-secretário considera Raul Henry “um bom nome, que circula bem entre o empresariado e o governo”. O caminho a ser trilhado, disse Norões, é a aposta no potencial pernambucano de atração de investimentos. “É preciso alimentar essa imagem de bom acolhedor, priorizar os recursos hídricos e o combate à seca. Tenho certeza de que ele reúne todas as condições e vai poder contar comigo”, enfatizou.

TRAJETÓRIA -
Raul Henry é economista e tem mestrado em Gestão Pública pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Iniciou a vida política no movimento estudantil. Foi vice-prefeito e secretário de Turismo, Cultura e Esportes do Recife (1997-2000) e ocupou também os cargos de secretário de Educação e Cultura e secretário de Planejamento do estado.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.