• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Rede Sutentabilidade » Marina: tenho uma solidariedade profunda com o PSB

Agência Estado

Publicação: 02/09/2014 17:34 Atualização:

A candidata à Presidência pelo PSB, Marina Silva, disse que o projeto de partido Rede Sustentabilidade é maior que ela e que será oficializado partido, independentemente da vontade dela. "O Rede já é uma realidade, não é o partido da Marina. Eu brinco que sou do primeiro partido clandestino em plena democracia", disse a candidata que participa nesta terça-feira da série Entrevistas Estadão.

Sobre sua posição pessoal no PSB, após a morte do presidenciável Eduardo Campos, Marina repetiu o que disse em ocasiões anteriores de que foi "acolhida" PSB e de que é solidária à legenda. "Tenho uma solidariedade profunda com o PSB", afirmou.

Marina disse ainda que, se eleita, pretende ser a presidente da República "das forças políticas que a elegeram", incluindo o PSB Rede, demais partidos da coligação e sociedade como um todo. Reforçou que esse preceito é um dos motivos para ter assumido o compromisso de não concorrer à reeleição. A candidata, contudo, não deixou claro se seguiria para um novo partido ao longo de um eventual mandato como presidente.

Questionada sobre governabilidade e relação com o Congresso Nacional, Marina disse saber negociar. "Você tem uma visão bem pessimista do Congresso", brincou com o jornalista Iuri Pitta ao ser confrontada com as dificuldades de se aprovar projetos sem maioria na Câmara e no Senado. Marina citou exemplos de quando foi ministra do Meio Ambiente e, sem apoio do governo do qual fazia parte, do PT, conseguiu aprovar leis negociando diretamente com lideranças partidárias nas Casas. "Eu acredito, valorizo o Congresso, a capacidade do diálogo", disse Marina. "O Congresso tem que ser respeitado", completou ao repetir que existem pessoas boas em todas as legendas e que é possível negociar com base em programa de governo.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.