• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Campanha » Eduardo Campos retorna ao Nordeste para ganhar terreno Uma semana depois de participar de cortejo cívico na Bahia, Eduardo Campos volta a investir em agendas na região, onde pretende fazer frente à presidente Dilma Rousseff

Rosália Rangel

Publicação: 09/07/2014 08:47 Atualização: 09/07/2014 09:09

Foto: Manuela Cavada/ PSB (Manuela Cavada/ PSB)
Foto: Manuela Cavada/ PSB

Depois de uma semana, o candidato do PSB à Presidência da República, Eduardo Campos, retorna ao Nordeste onde o socialista precisa investir com força total. Isso porque, na eleição de 2010, a presidente Dilma Rousseff (PT) venceu em todos os estados da região. A petista, inclusive, superou o somatório dos votos do ex-governador de São Paulo Serra (PSDB) e da ex-senadora Marina Silva (PSB/Rede), atualmente candidata a vice-presidente na chapa socialista na maioria dos estados, com exceção de Sergipe.

Para marcar presença no Nordeste, a coordenação da campanha de Eduardo marcou uma série de visitas à região. Amanhã, o presidenciável cumpre agenda no Maranhão, onde, na eleição passada, Dilma Rousseff conquistou o maior percentual de votação (70,65%), o equivalente a 2.079.650 votos. A previsão é de que o socialista marque presença nas cidades de São Luís e Timon. Já na sexta-feira, a agenda prevista é no Rio Grande do Norte. Também estavam no roteiro visitas ao Ceará e Paraíba, que foram desmarcadas, mas que podem voltar à agenda nos próximos dias.

Na última segunda-feira, Campos esteve em Pernambuco para participar de um ato em favor do candidato do PSB ao governo do estado, Paulo Câmara, seu afilhado político. No Recife, quando discursou no evento Encontro com os amigos de Paulo Câmara, Eduardo deixou claro que está apostando suas fichas na propaganda eleitoral na rádio e na televisão, que começa no dia 19 de agosto, para mostrar a diferença entre ele e seus adversários.

“Aí, o povo vai perceber que entre os candidatos tem um cabra do Nordeste que foi governador e aprovado pelo povo dele. Tem uma mulher que veio do Norte e que representa a dignidade, a honradez, a ética na política”, comentou, referindo-se à comparação que o eleitorado deverá fazer, na opinião dele, em relação à presidente Dilma e o presidenciável do PSDB, senador Aécio Neves. “Eles vão ver que ali está uma mulher (Dilma) que não está fazendo nada pelo país e outro (Aécio) que esteve lá (no governo, com Fernando Henrique Cardoso)”, pontuou o socialista.

Pré-campanha
Nas investidas pelo Nordeste, na semana passada, Eduardo acompanhou a festa em homenagem à Independência da Bahia. Na ocasião, acompanhou o cortejo cívico pelas ruas de Salvador, concluindo o trajeto no centro histórico. Segundo a assessoria do socialista, uma nova viagem ao estado deverá acontecer em breve.

Saiba mais

Nas urnas
2º maior colégio eleitoral do Brasil, perdendo apenas para o Sudeste
38 milhões de votos
10 milhões de votos apenas na Bahia, o 4º maior colégio eleitoral do Brasil
1,3 milhões de votos em Sergipe, o menor colégio eleitoral da região

Percentual de votação em 2010 no primeiro turno
Nordeste
Dilma Rousseff (PT) - 59,1%
José Serra (PSDB) - 24,64 %
Marina Silva (PV) - 15,44%

Maranhão
Dilma Rousseff - 70,65%
José Serra e Marina Silva - 28,68%
Diferença: 1.235.457 votos

Piauí
Dilma Rousseff – 67,09%
José Serra e Marina Silva - 32,75%
Diferença: 563.653 votos

Ceará
Dilma Rousseff - 66,30%
José Serra e Marina - 32,72%
Diferença: 1.409.790 votos

Bahia
Dilma Rousseff - 62,62%
José Serra e Marina - 36,72%
Diferença: 1.732.272 votos

Pernambuco
Dilma Rousseff – 61,74%
José Serra e Marina Silva - 37,67%
Diferença: 1.071.722 votos

Paraíba
Dilma Rousseff - 53,21%
José Serra e Marina Silva - 46,07%
Diferença: 138.216 votos

Rio Grande do Norte
Dilma Rousseff - 51,76%
José Serra e Marina Silva - 47,30%
Diferença: 72.949 votos

Alagoas
Dilma Rousseff - 50,92%
José Serra e Marina - 47,96%
Diferença: 41.232 votos

Sergipe
Dilma Rousseff - 47,67%
José Serra e Marina Silva - 51,31%
Diferença: 38.815 votos

*Hoje, Marina Silva está no PSB e é vice na chapa de Eduardo Campos. O
candidato do PSDB é Aécio Neves

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.