• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Montando o palanque » PT vai à Justiça para apoiar Vital do Rêgo na Paraíba

Agência Estado

Publicação: 07/07/2014 21:06 Atualização:

O Diretório Nacional do PT recorreu à Justiça Eleitoral da Paraíba para garantir que o PT no Estado apoie a candidatura ao governo do senador Vital do Rêgo (PMDB), presidente das duas CPIs da Petrobras em curso no Congresso Nacional. A ação visa a dar palanque para a presidente Dilma Rousseff localmente. No sábado, 5, advogados do PT Nacional entraram com um pedido no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) paraibano impeça a legenda no Estado de integrar a coligação do governador Ricardo Coutinho (PSB), candidato à reeleição e que deve abrir espaço no estado para o adversário de Dilma, Eduardo Campos.

Com 2,8 milhões de eleitores, a Paraíba é o sexto maior colégio eleitoral do Nordeste. No segundo turno de 2010, o Estado rendeu a Dilma uma vantagem de 460 mil votos em relação ao candidato do PSDB na época, José Serra. Em outubro próximo, contudo, a disputa tende a ser mais acirrada, uma vez que, além do PSB ter candidato e o PMDB tentar abrir espaço para Dilma, o PSDB lançou a candidatura do senador Cássio Cunha Lima (PB) para dar palanque para o tucano Aécio Neves.

O advogado Fernando de Oliveira Hughes Filho, que representa a direção nacional petista, afirmou que a ação tem por objetivo questionar uma violação à orientação da cúpula partidária. "A diretriz determina que haja uma coligação com o PMDB de Vital do Rêgo", afirmou o defensor ao Broadcast Político, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado. Segundo o advogado, a medida não é juridicamente uma intervenção no diretório estadual. "Não havia a necessidade de desconstituir um diretório. Não há razão para isso porque a lei eleitoral faculta outro caminho de forma mais célere e menos traumático", completou.

O caso, apresentado no último sábado ao TRE da Paraíba, deve ser julgado nos próximos dias pelo desembargador João Alves da Silva. Caberá ao magistrado decidir se aceita o pedido da cúpula nacional do PT e obriga o partido no estado a se coligar com o PMDB de Vital.

Em campanha pelo interior do estado, Vital do Rêgo concordou com a ação. "O que o PT Nacional fez na Paraíba fez em outros 11 estados: a aliança tem que ser com o PMDB para dar palanque para a Dilma", disse ele, referindo-se à resolução da Comissão Executiva Nacional do PT que, no final do mês passado, baixou uma resolução sobre formação de chapas nesses estados.

Para o candidato do PMDB ao governo, houve um "açodamento" e uma "precipitação" por parte do PT no estado em ter desobedecido a orientação nacional de se coligar com o PMDB. Vital disse não temer "corpo mole" dos petistas no estado com sua campanha, em caso de vitória na Justiça Eleitoral. "Não (temo corpo mole), mais da metade do PT local está comigo", assegurou.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.