• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

PPS desautoriza Eliana Pedrosa a ser vice na chapa de José Roberto Arruda A deputada distrital afirmou que vai analisar a situação e ver "o que poderá ser feito"

Correio Braziliense

Publicação: 01/07/2014 09:29 Atualização:

O PPS nacional decidiu na noite desta segunda-feira (30/6) desautorizar a deputada distrital Eliana Pedrosa a disputar a eleição para o governo do Distrito Federal como vice de José Roberto Arruda (PR) -- a parceria tinha sido anunciada horas antes. Ela participou de um evento, no início desta noite, na sede regional do PR, na Colônia Agrícola Samambaia, onde discursou como aliada do ex-governador na disputa ao Palácio do Buriti.

No entanto, o presidente nacional do PPS, Roberto Freire, interferiu na movimentação e decidiu fechar acordo com o PSDB. O secretário nacional de comunicação do PPS, o sociólogo e publicitário Adão Cândido, foi lançado como vice do tucano Luiz Pitiman, candidato ao governo. "Esse é o acordo que confirmamos", disse Freire, por telefone, ao Correio. Ele explicou que existe uma resolução nacional da legenda que proíbe qualquer acordo com siglas que apóiam Dilma. O PR anunciou hoje que estará com a presidente na campanha.

Depois de tentar fazer Freire mudar de ideia ao longo dos últimos dias, Eliana Pedrosa foi pega de surpresa com a decisão vinda de cima. "Vamos analisar o que poderá ser feito. Se for uma resolução adotada anteriormente, seremos obrigados a segui-la", disse. Mais cedo, no evento do PR, ela disse que não voltaria atrás na decisão de se aliar ao grupo de Arruda.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.