• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Agreste » "Nordeste precisa de um choque de infraestrutura", diz Aécio Neves, em passagem por Caruaru

Jairo Lima - Especial para o Diario de Pernambuco

Publicação: 28/06/2014 09:48 Atualização: 28/06/2014 09:56

Aécio vem anunciando que vai lançar um programa, denominado inicialmente de Novo Nordeste. Foto: Nando Chiappetta/DP/D.A Press
Aécio vem anunciando que vai lançar um programa, denominado inicialmente de Novo Nordeste. Foto: Nando Chiappetta/DP/D.A Press
Nem mesmo o clima junino de Caruaru, Agreste de Pernambuco, na noite desta sexta-feira, conseguiu antecipar qualquer indício sobre a candidatura de vice-presidente na chapa do senador e candidato à presidência da República, Aécio Neves (PSDB). O tucano fez jogo duro e deixou no páreo o nome das três possibilidades para composição do seu palanque: o ex-senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), o senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) e ex-presidente do Superior Tribunal Federal Ellen Gracie (PSDB-RJ). Os rumores sobre a presença de um nordestino para compor a vice aumentaram depois que Tasso Jereissati (PSDB-CE) desistiu na última quinta-feira de disputar o Senado no seu estado. Entre a comitiva que acompanhava o senador também era grande o burburinho elevando Jereissati para candidatura. “Tasso, um belíssimo nome. Estou muito tranquilo, porque os nomes que nós temos são muito qualificados. Converso quase todos os dias com o Tasso. Hoje mesmo conversamos”, disse Aécio Neves.

O presidenciável afirmou que o vice não é fator decisivo nas eleições brasileiras tradicionalmente, mas que mostra tranquilidade devido às qualidades dos nomes que pode escolher. As críticas direcionadas à presidente Dilma Rousseff (PT) se estenderam sempre que possível, além de frisar que permanece trabalhando para reverter o cenário desfavorável nos terrenos onde está em desvantagem nas pesquisas de opinião diante da petista e do presidenciável Eduardo Campos (PSB).

Desde há semana passada, quando passou pelo Recife, Aécio vem anunciando que vai lançar um programa, denominado inicialmente de Novo Nordeste, com objetivo de investir em infraestrutura (um contraponto ao PAC do governo Dilma), justamente num esforço de manter uma agenda positiva na região que possa colocá-lo em pé de igualdade no Nordeste com Dilma e Eduardo, que têm maior inserção aqui. Na última eleição presidencial, em 2010, Dilma levou uma vantagem de mais de 9 milhões de votos em relação ao candidato tucano José Serra.

“É natural que o governador Eduardo Campos tenha uma belíssima votação aqui. Isso é fruto do seu trabalho no estado. Eu tenho andado por todo o Brasil, pregando a mesma coisa, dizendo verdades. Como transformamos Minas Gerais, que não é o estado mais rico e é bastante heterogêneo, hoje tem a melhor educação fundamental do Brasil e a melhor saúde do Sudeste. O Nordeste precisa de um choque de infraestrutura, eficiência, generosidade, com o fortalecimento dos municípios, com ampliação dos investimentos do governo federal em saúde e segurança pública. Tenho certeza que os pernambucanos vão ouvir nossas propostas”, comentou Aécio.

Ao desembarcar na cidade, Aécio Neves já havia passado por Teresina (PI) e Campina Grande (PB). Ele foi recepcionado pelo prefeito José Queiroz (PDT) e pelo deputado Wolney Queiroz (PDT-PE), que apresentaram a cidade cenográfica ao candidato. Aécio Neves conheceu os bonecos mamulengos e seguiu para o Pátio do Forró, onde se deparou com o monumento de Luiz Gonzaga a quem fez uma reverência logo na sua chegada. O tucano cumprimentou as pessoas e chegou a entrar em um dos quiosques da festa para conversar com lideranças e aliados políticos.

O presidenciável esteve sempre acompanhado dos deputados tucanos Bruno Araújo, Betinho Gomes, Terezinha Nunes, além do vereador do Recife André Régis, que coordenada a campanha de Aécio no estado. Quem também esteve na comitiva foi o deputado federal Mendonça Filho. Apesar do DEM estar alinhado no estado com o PSB de Paulo Câmara, no campo nacional o partido vai seguir no palanque do PSDB, como já ocorre tradicionalmente nas últimas eleições presidenciais.

“Nós estamos iniciando uma caminhada que visa trazer novamente a eficiência, a seriedade e a decência à política brasileira. E nada melhor que começar com o pé direito nessa magnífica festa que é uma demonstração de nossa força e nossa cultura”, comentou Aécio.

Depois de aproximadamente uma hora, Aécio Neves retornou ao aeroporto da cidade para embarcar. O candidato tinha a pretensão de ir ao jogo do Brasil contra o Chile, neste sábado, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.