• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Investigação » Comissão Externa da Petrobras não avançou, diz deputado

Agência Estado

Publicação: 25/06/2014 17:20 Atualização:

Com menos de três meses de atividades, a Comissão Externa da Câmara que investiga denúncias de pagamento de propina por funcionários da Petrobras à empresa SBM offshore, pode ser encerrada na próxima semana. Por se tratar de uma comissão externa, as atividades no colegiado poderiam se prolongar até o final deste ano.

O coordenador do colegiado, deputado Maurício Quintella Lessa (PR-AL), informou que levará a proposta de concluir as "investigações" para a reunião prevista para próxima quarta-feira, dia 2. Ele alega que a comissão não conseguiu avançar em razão do limitado poder de atuação. "Não tem mas motivo para ela ficar aberta. Não temos poderes para avançar nas investigações", se queixou o deputado.

Segundo ele, apenas o Ministério Público Federal contribuiu com a comissão enviando os documentos referentes ao caso Petrobras/SBM. "A CGU Controladoria Geral da União negou compartilhar as informações. O TCU Tribunal de Contas da União não mandou nada e não tem previsão. A ideia é encerrar as atividades e encaminhar o que temos para a CPI que tem poderes para pedir a quebra de sigilo dos suspeitos e fazer convocações" ressaltou Lessa.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.