• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Saúde » Segundo Eduardo, 11 mil leitos foram fechados no governo Dilma Em entrevista à rádio local, no Paraná, ex-governador de Pernambuco aproveita para criticar a saúde no Brasil

Publicação: 23/06/2014 12:01 Atualização:

Em passagem por Ponta Grossa, no Paraná, o pré-candidato à Presidência Eduardo Campos (PSB) aproveitou entrevistas com rádios locais para "bater" na presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição. Dessa vez, o tema central foi a saúde. Segundo Eduardo, durante o governo Dilma, foram fechados 11 mil leitos nos hospitais brasileiros. Em suas declarações, Campos não perdeu tempo em mencionar sua "vice de peso", Marina Silva (Rede).
"Sabem por que eles foram fechados? Porque as tabelas pelas quais a União contrata são alguns itens que não sofrem reajustes há dez anos. E os hospitais estão entregando os contratos. Por isso que a gente vê os hospitais lotados. Precisamos de contratos mais justos com os que prestam serviços ao SUS, para abrir milhares de leitos", declarou o socialista à Rádio Difusora AM de Ponta Grossa.
O ex-governador de Pernambuco fez questão de avaliar o atual cenário político e declarou que está é "uma eleição desafiadora". "Eu tenho dito, e Marina também, que esta não é uma eleição em que as estruturas vão ganhar. Quem vai ganhar essa eleição é a verdade, a possibilidade de as pessoas transformarem a indignação no motor de uma mudança verdadeira, que não destrói o que está certo, mas enfrenta os erros com muita coragem", falou. Para Eduardo, "o Brasil tem jeito e quem vai dar jeito no Brasil é o povo brasileiro, derrotando as estruturas poderosas", sentenciou.   
Sobre a vice Marina Silva, ele fez questão de garantir que a relação entre os dois é próxima e que ambos têm trajetórias próprias. "Muitas pessoas ficam tentando construir uma outra imagem dessa relação, como se tivéssemos problemas. Mas eu e Marina temos trajetórias próprias. Tanto que ela seria candidata, não foi porque o TSE não deu o registro. Aí ela disse 'esse aqui' é o que tem mais identidade com meu pensamento", comentou.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.