• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Eleições 2014 » "Vejo como algo absolutamente natural", diz Aécio sobre aliança entre PSDB e PSB de Campos em SP

Agência O Globo

Publicação: 20/06/2014 15:32 Atualização:

O presidenciável Aécio Neves (PSDB) afirmou que vê como "absolutamente natural" uma aliança entre seu partido e o PSB do também pré-candidato à Presidência Eduardo Campos. O PSB deve indicar o vice na chapa do governador Geraldo Alckmin (PSDB), que tentará a reeleição. Aécio afirmou que até estimulou que a coligação fosse feita.

"É natural que aqueles que, no plano nacional participem de outra aliança, peçam votos para o seu candidato. Vejo como algo absolutamente natural e que não altera em nada as perspectivas que temos da eleição no Brasil", afirmou o tucano no Rio, onde apresentou parte da equipe que vai estruturar seu programa de governo.

Aécio afirmou que não há pré-candidato em situação mais privilegiada que ele em São Paulo:

"Temos o governador de São Paulo altamente avaliado, como é nosso companheiro que estará ao nosso lado na campanha. É um partido estruturado em todo o estado, com lideranças como Fernando Henrique, José Serra, o senador Aloysio Nunes, só para citar alguns na condução da nossa campanha."

O presidenciável tucano afirmou que tem conversado com o governador Geraldo Alckmin sobre a situação em São Paulo:

"Gostaria de ter em todos os estados o conforto e a força que temos em São Paulo. Eu tenho conversado com o Geraldo permanentemente e sempre disse que, de minha parte, ia haver total compreensão e até estímulo para que o PSB participasse de sua eleição, por uma razão lógica: o governador Geraldo Alckmin fortalecido, significa que a candidatura do PSDB estará fortalecida também em São Paulo."

Após o encontro com seus coordenadores de programa de governo, Aécio se reuniu com o governador do Piauí, Antônio Filho (PMDB), que tentará a reeleição. O governador vai apoiar Aécio. O vice na chapa será Silvio Mendes do PSDB. O candidato ao Senado será Wilson Martins (PSB), que deixou o governo em abril.

"É mais uma aliança que estamos selando com o PMDB. Estarei lá na convenção da próxima sexta-feira", afirmou Aécio.

"Quero falar da nossa felicidade em acreditar nesse projeto de mudança do país e da maneira de se fazer política no país. Não aceitamos mais a maneira como o governo federal vem tratando no nosso estado", afirmou o governador Antônio Filho.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.