• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Eleições 2014 » Câmara analisa projeto que proíbe pesquisas eleitorais fora dos padrões técnicos Autor do projeto de lei acredita que as enquetes "têm sido utilizadas com muita frequencia para distorcer o processo de formação da vontade do eleitor"

Estado de Minas

Publicação: 13/06/2014 09:58 Atualização:

A Câmara analisa projeto de lei que proíbe a divulgação de sondagens ou enquetes eleitorais que não sigam os padrões técnicos definidos na legislação. Atualmente, há apenas uma resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre divulgação de enquetes ou sondagens eleitorais sem controle de amostra. Nesses casos, de acordo com o TSE, deverá ser informado que não se trata de pesquisa, mas de mero levantamento de opiniões contando apenas com a participação espontânea do entrevistado.

De acordo com o deputado José Stédile (PSB/RS), autor do projeto, a resolução do TSE necessita de uma base legal clara que proíba a divulgação de consultas desse tipo à opinião pública. Para Stédile, cabe ao Congresso Nacional legislar sobre o assunto e retirando-as do processo eleitoral. O deputado acredita que as enquetes "têm sido utilizadas com muita frequencia para distorcer o processo de formação da vontade do eleitor".

Com Agência Câmara

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.