• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Duras críticas » Aécio critica PT e deseja "bela aposentadoria" a Dilma A fala de Aécio Neves encerrou um discurso recheado de críticas à administração do PT

Flávia Ayer -

Isabella Souto -

Juliana Cipriani -

Publicação: 11/06/2014 07:22 Atualização:

O presidenciável também recebeu ontem o apoio nacional do PTdoB. Foto: Leandro Couri/EM/D.A Press (Leandro Couri/EM/D.A Press)
O presidenciável também recebeu ontem o apoio nacional do PTdoB. Foto: Leandro Couri/EM/D.A Press

Na festa para oficializar a candidatura do ex-ministro das Comunicações Pimenta da Veiga (PSDB) ao governo de Minas Gerais, os holofotes se voltaram para o presidenciável Aécio Neves (PSDB) e suas duras críticas à principal adversária nas urnas: a presidente Dilma Rousseff (PT). Em um palanque com a presença de representantes de 20 partidos, alguns deles da base de sustentação do governo federal, o tucano desejou à petista uma “bela aposentadoria” pelos próximos quatro anos e pediu licença para governar com “decência e honradez”.

A fala de Aécio Neves encerrou um discurso recheado de críticas à administração do PT, que, segundo ele, deixa o saldo de descontrole da inflação. “Que triste ver uma presidente que encerra 11 anos de mandato (do PT) sem uma palavra de esperança. Ela falou olhando pelo retrovisor da história, culpando o governo de anos atrás”, afirmou Aécio.

O senador mineiro comentou ainda o resultado da convenção nacional do PMDB, que oficializou ontem o apoio a Dilma com a indicação de Michel Temer para vice. O placar foi apertado: 398 a 275 votos. “Depois de tudo que tem feito, os cargos que tem distribuído, a oposição à aliança ter mais de 40% dos votos é uma derrota fragorosa e que aponta para uma rejeição. Ela levará minutos a mais na propaganda eleitoral, mas não a base e o sentimento de seus aliados”, argumentou. Também ontem, o PTdoB nacional oficializou apoio a Aécio Neves e Pimenta da Veiga, em convenção realizada em Belo Horizonte.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.