• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Eleições » PCdoB ratifica apoio a Paulo Câmara com plenária em Olinda,

Publicação: 06/06/2014 15:26 Atualização:

O PCdoB, partido tradicionalmente alinhado ao PT, declarou apoio à candidatura da Frente Popular ao governo de Pernambuco. Nesta quinta-feira (5) ocorreu uma plenária, em Olinda, quando mais de 600 pessoas receberam o pré-candidato Paulo Câmara (PSB). O evento foi organizado pelo ex-secretário de Ciência e Tecnologia Marcelino Granja e pela deputada federal Luciana Santos, comunistas que disputarão, respectivamente, vagas na Assembleia Legislativa e a reeleição para a Câmara Federal

Paulo Câmara agradeceu o apoio dos comunistas e lembrou a necessidade de eleger candidatos proporcionais alinhados com a continuidade do atual Governo, assim como aqueles do PCdoB. "Não se governa sozinho. Eu precisarei do apoio destes companheiros para continuar esse trabalho. É uma honra ter o PCdoB comigo nessa jornada. Tenho certeza que vocês sairão daqui para as ruas, dizer que me conheceram, levar adiante nossas ideias e trazer ainda mais pessoas para apoiar esse projeto", afirmou.

A deputada Luciana Santos afirmou que essa plenária foi a primeira de um conjunto de encontros e atividades de apoio a Paulo Câmara. "Você, Paulo, é um militante das forças políticas que fez a mudança neste Estado. Uma mudança para melhor. E nós aqui temos a convicção de que é preciso garantir a continuidade desse processo, para avançar ainda mais", declarou a deputada.

Marcelino Granja destacou o papel de Câmara durante o Governo Eduardo para garantir recursos para ações da Ciência e Tecnologia, pasta na qual sucedeu a deputada. Entre as intervenções citadas, o programa Conexão Cidadã, que levará internet a 126 distritos pernambucanos, a um custo de R$ 46 milhões; a concessão de 12 mil bolsas para estudantes universitários, a R$ 23 milhões/ano; e a gratuidade da Universidade de Pernambuco (UPE), que demanda mais de R$ 20 milhões/ano dos cofres públicos estaduais.

Apesar de integrar a base de apoio ao governo socialista em Pernambuco, nacionalmente o PCdoB está no grupo que irá trabalhar pela reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT). Uma situação delicada para os comunitas pernambucanos, uma vez que Eduardo Campos (PSB) pretende concorrer à Presidência da República em oposição ao governo do PT.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.