• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Instituto Dados » Aécio aparece em 1º lugar em nova pesquisa realizada no DF Pesquisa do Instituto Dados mostra o tucano com 24,5% das intenções de votos no Distrito Federal

Denise Rothenburg

Publicação: 04/06/2014 09:56 Atualização: 04/06/2014 10:20

No DF, senador tem vantagem de 5 pontos em relação a Dilma. Foto: Igor Estrela/PSDB (Igor Estrela/PSDB)
No DF, senador tem vantagem de 5 pontos em relação a Dilma. Foto: Igor Estrela/PSDB

Pesquisa do Instituto Dados, realizada entre 24 e 30 de maio, com 3 mil eleitores do Distrito Federal, mostra o pré-candidato do PSDB à Presidência da República, senador Aécio Neves, em vantagem. Na pesquisa estimulada, registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o número TSE BR-00138/2014 e no Tribunal Regional Eleitoral sob o número TRE-00010/2014, Aécio aparece na liderança com 24,5% dos votos, enquanto a presidente Dilma Rousseff (PT) fica na segunda posição, com 18,9%. Em seguida vêm o ex-governador Eduardo Campos, do PSB, com 10%; o pastor Everaldo (PSC), com 2,9%; o senador Randolfe Rodrigues (PSOL), com 1,9%; e o ex-deputado Eduardo Jorge (PV), 0,8%.

 

A pesquisa espontânea, aquela em que o entrevistado diz em quem votará sem consultar uma lista prévia, indica que todos precisarão caminhar muito ainda para ter a fidelidade do eleitor em 5 de outubro. A presidente Dilma aparece com 13%, enquanto Aécio fica com 11,2%. Já Eduardo Campos tem 3,8%. Pastor Everaldo foi citado por 0,3% do total da amostragem, menos que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com 1,8% – o petista não é candidato, mas sempre é citado nas amostragens espontâneas. Randolfe surge com o mesmo percentual o obtido pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (0,1%). A margem de confiança da pesquisa é de 95% e a de erro de 1,8%.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.