• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Rotina do progressista » Condenado no mensalão, Pedro Corrêa inicia trabalho em clínica médica

Filipe Barros - Diario de Pernambuco

Publicação: 02/05/2014 12:07 Atualização:

Depois de faltar dois dias de trabalho com a justificativa de evitar alvoroço com a imprensa, o ex-deputado Pedro Corrêa (PP), condenado a sete anos e dois meses no processo do mensalão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, apareceu para trabalhar nesta sexta-feira (2) na clínica Armando Q. Monteiro, em Garanhuns, Agreste de Pernambuco, como médico radiologista. Segundo a assessoria da clínica, o reeducando chegou no horário correto e está exercendo a função normalmente.

Pedro Corrêa poderia ter começado a atuar na unidade de saúde depois que recebeu o benefício da 1ª Vara de Execuções Penais, através do juiz Luiz Rocha, mas segundo familiares, ele não compareceu à clínica para evitar exposição.

 

O ex-parlamentar é o único pernambucano condenado no escândalo e cumpre pena no Centro de Ressocialização do Agreste, na cidade de Canhotinho, e não exerce a profissão médica desde 1970, quando ingressou na vida pública. Pelo trabalho, o progressista irá receber cerca de R$ 2,5 mil mensais para fazer atendimentos de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h30, e aos sábados, das 8h ao meio-dia.

Pedro Corrêa está preso desde o dia 27 de dezembro do ano passado e aguardava autorização de trabalho externo há mais de três meses. Além do trabalho, ele conquistou o direito de visitar a família 35 dias por ano.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.