• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Pesar » Morre, aos 93 anos, o ministro aposentado do STF Aldir Passarinho

Diego Abreu

Publicação: 29/04/2014 17:49 Atualização:

Morreu na manhã desta terça-feira (29/4), em Brasília, o ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal (STF) Aldir Passarinho, de 93 anos. Ele estava internado desde a semana passada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Instituto de Cardiologia do Distrito Federal (ICDF).

A morte aconteceu em decorrência de complicações após uma cirurgia de emergência a que Passarinho foi submetido na última quinta-feira (24/4), depois que teve o intestino perfurado em um procedimento de diálise. O local do velório ainda não foi definido, mas é provável que o corpo do magistrado aposentado seja velado no próprio Supremo.

Em nota, o presidente do STF, Joaquim Barbosa, lamentou a morte de Aldir Passarinho. Nascido em Floriano (PI), ele deixa a mulher, Yesis Passarinho, e o filho, Aldir Passarinho Júnior, que foi ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

O ministro aposentado do Supremo era graduado pela Faculdade de Direito do Rio de Janeiro, atualmente Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Ingressou na magistratura em 1967, na condição de juiz federal do Estado da Guanabara.

Foi nomeado, em 1974, para o cargo de ministro do extinto Tribunal Federal de Recursos, e eleito duas vezes membro do Conselho da Justiça Federal. Passarinho ingressou no STF em 1982. Presidiu a Corte entre fevereiro e abril de 1991, quando se aposentou.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.