• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Pré-campanha » Eduardo propõe reforma tributária fatiada

Aline Moura - Diario de Pernambuco

Publicação: 24/04/2014 08:04 Atualização: 24/04/2014 09:53

Foto: Bruno Peres/CB/D.A Press/Arquivo
Foto: Bruno Peres/CB/D.A Press/Arquivo

De visita ao Paraná, no Sul do país, o ex-governador Eduardo Campos (PSB) assumiu mais um compromisso político, ontem, ao propor uma reforma tributária fatiada, capaz de passar a valer numa janela de tempo de quatro anos. "Quanto se tenta fazer uma reforma tenha menos impostos, começa a pressão e, no final, não sai nada. Temos que fazer uma reforma para valer, fatiada, que entre em vigor quatro anos depois para retirar a pressão do atual mandatário".

Eduardo Campos cumpriu várias agendas no estado paranaense, reunindo-se com prefeitos e empresários do agronegócio. Chegou a ser indagado por ruralistas sobre como será o comportamento de sua vice em relação ao setor. "Eu nasci no meio rural, conheço a realidade do homem do campo", afirmou Eduardo.

Apesar da boa recepção no estado sulista, o ex-governador saiu do Paraná sem bater o martelo sobre apoio à reeleição do governador Beto Richa (PSDB). O presidente estadual do PSB, Severino Araújo, disse ao Diario que Richa pode ter dois palanques no Paraná (do senador Aécio Neves e de Eduardo), mas também admitiu a possibilidade de os socialistas disputarem a eleição de forma independente. "Estamos num entendimento", declarou.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.