• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Professores » Luciano Duque será alvo de protestos durante visita de Dilma

Aline Moura - Diario de Pernambuco

Publicação: 12/04/2014 17:04 Atualização: 12/04/2014 17:49

Última visita de Dilma em Serra Talhada foi marcada por um clima tenso entre ela e Eduardo Campos. O governador, na ocasião, fez um discurso lido e bastante crítico à gestão petista. Foto: Blenda Souto Maior/DP/D.A Press (Blenda Souto Maior/DP/D.A Press)
Última visita de Dilma em Serra Talhada foi marcada por um clima tenso entre ela e Eduardo Campos. O governador, na ocasião, fez um discurso lido e bastante crítico à gestão petista. Foto: Blenda Souto Maior/DP/D.A Press
O Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Serra Talhada (Sintest) está articulando um protesto, para esta próxima segunda-feira (14), contra o prefeito do município, Luciano Duque (PT). O protesto será estendido até a visita da presidente Dilma Rousseff (PT), que irá à cidade sertaneja no início da semana para inaugurar a segunda etapa da adutora Serra Talhada/Pajeu.

A intenção dos manifestantes é mostrar à presidente que o prefeito não está em sintonia com o programa do partido. Os professores reivindicam 15% de reajuste salarial e tentam uma negociação com o prefeito há 40 dias sem sucesso. Dizem que não receberam sequer respostas aos ofícios enviados.

O prefeito não foi localizado pela reportagem para comentar a manifestação. Durante entrevista à rádios locais da cidade, no entanto, o prefeito disse estar tentando negociar com os professores."Em momento algum deixamos de informar a categoria nossa posição. Não nos negamos ao diálogo, no entanto, só podemos negociar no momento certo, não podemos nos precipitar", disse o prefeito.

De acordo com Duque,  o Governo Municipal está disposto a negociar a partir do início do mês de maio, quando se fecha o primeiro quadrimestre. "Aí então estudaremos a planilha e veremos os números, se for possível dar aumento, daremos, se não for, teremos que estudar outra saída", frisou Duque.

Luciano Duque acrescentou. "Se dependesse apenas de mim eu daria 50% de aumento, mas temos que ser responsáveis, é dinheiro público, não podemos anunciar aquilo que não temos. Acho que os professores devem ser bem remunerados, não tenham dúvida, mas só posso anunciar o que for possível", frisou Duque para continuou: "já acenamos para categoria que vamos fechar o quadrimestre e examinar as planilhas, aí então sentaremos e com certeza acharemos uma solução".

Com informações da assessoria de imprensa da prefeitura de Serra Talhada

 

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.