• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Salgueiro » Lyra recepciona dois ministros

Diario de Pernambuco - Diários Associados

Publicação: 10/04/2014 08:52 Atualização: 10/04/2014 14:50

Foto: Aluisio Moreira/SEI
Foto: Aluisio Moreira/SEI

Embora não seja protocolar, o governador João Lyra Neto (PSB) viaja, hoje, a Salgueiro, no Sertão do estado, para receber dois ministros de Dilma Rousseff (PT), Miriam Belchior e Francisco Teixeira, respectivamente titulares do Planejamento, Orçamento e Gestão e da Integração Nacional. Ele vai recepcionar ambos às 11h30, no município, e oferecer um almoço aos dois antes de eles realizarem um sobrevoo na região sertaneja para verificar obras da transposição do Rio São Francisco. O projeto piloto da transposição, de 16 quilômetros, seria inaugurado este mês, em Floresta, também no Sertão do estado, mas foi adiado para junho.

João Lyra não vai participar do sobrevoo, mas o gesto dele foi visto com bons olhos pelos adversários estaduais do PSB, quase às vésperas de Eduardo Campos lançar sua pré-candidatura ao Palácio do Planalto. Em dezembro do ano passado, a então ministra das Relações Institucionais (Ideli Salvatti) esteve em Gravatá, no Agreste estadual, mas não foi recebida por Eduardo, agora cotado como presidenciável. Naquela época, a presença de Ideli num evento que marcou o encerramento do ciclo de encontro com prefeitos que vinha sendo realizado em todo país pelo Planalto, ressaltou o clima tenso entre o PSB e o PT. Naquela ocasião, o presidente da Associação Municipalista de Pernambuco, José Patriota (PSB), descreveu como um "caos" a relação entre os gestores municipais e a gestão petista, sendo aplaudido pela maioria dos prefeitos presentes.

João Lyra retornará à capital após o almoço, mas determinou que dois secretários de estado, João Bosco e Luciano Vasquez, respectivamente da Infraestrutura e da Casa Civil, acompanhassem a visita dos ministros e as reuniões que serão feitas em alguns municípios beneficiados pela transposição, como Floresta, Sertânia e Monteiro, este último na Paraíba.

Queiroz

À tarde, João Lyra vai se encontrar com seu principal adversário político, o prefeito de Caruaru, José Queiroz (PDT), em mais um esforço para mostrar um perfil político aberto ao diálogo. Inclusive, Queiroz estaria irritado porque a inauguração do Hospital Mestre Vitalino, em Caruaru, que estava marcada para a semana passada, foi cancelada pelo então governador Eduardo Campos e ficou para ser inaugurado por Lyra durante sua gestão, constatando-se uma questão política.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.