• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

PRÉ-CAMPANHA » BR-232 volta ao centro do debate eleitoral Recuperação da estrada será usada como mote na campanha para o governo estadual

Franco Benites

Publicação: 29/03/2014 11:41 Atualização:

A BR-232, que já foi motivo de muita polêmica entre o senador Jarbas Vasconcelos (PMDB) e o governador Eduardo Campos (PSB), volta a ser o centro de um debate eleitoral. Na última sexta-feira (28), em entrevista a uma rádio local, o senador e pré-candidato ao governo estadual Armando Monteiro (PTB) afirmou que a gestão socialista não tem cuidado da rodovia como deveria.

"A via está se deteriorando, o Governo Federal alega que há pendência no convênio, porque houve uma delegação a Pernambuco. Fala-se, e o Governo do Estado, mesmo com essa pendência, postulou uma renovação do Convênio até 2050 Acho que tem que haver sim uma intervenção do Governo de Pernambuco urgentemente para requalificar essa via, sob pena dessa situação, que já é de deterioração, se agravar mais", falou.

De acordo com o senador, ele vai ampliar a duplicação da via até o sertão se eleito em outubro. "É importante que se duplique a rodovia até Arcoverde", disse. Ele ainda pediu que o governo estadual e o governo federal busquem um entendimento sobre a recuperação da estrada. "Existem agora pendências jurídicas, ou seja, há questões que foram ajuizadas e estão dependendo de um pronunciamento da Justiça. Portanto, o que eu posso dizer em relação ao futuro é o seguinte, não vamos deixar para tratar essa questão no final do governo, vamos encarar essa questão, vamos encontrar uma forma de acertar essa posição com o Governo Federal, porque o que não podemos admitir é o que nossa via se deteriore mais", discursou.

Mas não é só a BR-232 que entrou no centro de debate eleitoral. Armando cobrou ações do governo estadual em relação a outras estradas. "A BR-104 é uma rodovia que tem hoje um tráfego imenso, são mais de 12 mil veículos ao dia, que é o Polo de Confecções, todo mundo que demanda o Polo de Confecções. Então temos que fazer, dar uma prioridade absoluta a ela", concluiu.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.