• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Anistia » Randolfe Rodrigues defende revisão da Lei de Anistia

Agência Senado

Publicação: 27/03/2014 19:30 Atualização:

O senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) defendeu a revisão da Lei da Anistia, editada durante o regime militar para perdoar quem praticou crimes políticos entre 1961 e 1979. Ele argumenta que a lei impede que se saiba o que, de fato, aconteceu durante a ditadura militar e, o que é pior, inviabilize a punição dos que, em nome do regime, mataram e torturaram quem lutou contra o governo autoritário.

Para o senador, mesmo tendo retomado a trilha democrática, o país precisa aperfeiçoar, ainda mais, os instrumentos que garantam a participação da sociedade nas decisões nacionais.

Por isso, Randolfe Rodrigues defendeu uma reforma política e criticou a proposta que limita a manifestação de grupos da sociedade civil e que criminaliza esses movimentos.

"É de fato incompleta, senhor presidente, uma transição para a democracia que deixou do lado de dentro do regime democrático entulhos do regime autoritário", afirmou.

O senador Randolfe Rodrigues ainda leu declaração pública do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs, que repudia o golpe militar de 1964, que instaurou no país uma ditadura que durou 21 anos.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.