• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

PARCERIA » No Senado, Humberto destaca aliança com Armando Monteiro Petista enalteceu a união entre o PT e o PTB em Pernambuco para as eleições de outubro

Franco Benites

Publicação: 25/03/2014 20:26 Atualização:

A formalização da aliança entre o PT e o PTB em Pernambuco na última segunda-feira (24) não contou com a participação do senador petista Humberto Costa, um dos principais entusiastas da pré-candidatura do senador petebista Armando Monteiro. No entanto, nesta terça (25), Humberto usuou a tribuna do Senado para destacar a união entre os dois partidos. Só Dilma e Armando contam, em Pernambuco, com o apoio do ex-presidente Lula e somente eles serão capazes e possuem a confiança do nosso ex-presidente para darem sequência ao imenso desafio de levar o Brasil adiante, assegurar as grandes conquistas e melhorar ainda mais o País%u201D, falou.

O discurso de Humberto Costa recebeu apartes dos senadores Eduardo Suplicy (PT-SP) e Inácio Arruda (PCdoB-CE). Alvo dos elogios, Armando Monteiro também discursou e voltou a ressaltar o fato de que a decisão do PT ocorreu após um longo período de debates internos. "Todos os setores do PT foram ouvidos e o calendário do partido foi rigorosamente observado. O caráter essencialmente democrático desta decisão legitima inquestionavelmente a decisão que ao final veio a ser adotada pelo PT em Pernambuco%u201D, disse o petebista.

A escolha do PT pela aliança com Armando Monteiro em detrimento de uma candidatura própria foi feita no último domingo (23) durante o Encontro de Tática Eleitoral do partido. Cerca de 60% dos delegados votaram favoravelmente à união. Na segunda, o petebista esteve na sede estadual do PT para selar a parceria em um evento que contou com lideranças partidárias das duas legendas.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.