• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Governo do estado » A 10 dias da posse, João Lyra prepara transição no governo

João Vitor Pascoal - Diario de Pernambuco

Publicação: 25/03/2014 10:34 Atualização:

O atual vice-governador João Lyra Neto (PSB) realiza as últimas reuniões que antecedem a transição do governo. Com a cerimônia de posse marcada para o dia 4 de abril, Lyra tem se articulado para as mudanças necessárias à montagem de sua equipe. O socialista comandará o Palácio do Campo das Princesas oito meses.

O futuro governador deverá promover mudanças em até 10 secretarias. As trocas nas pastas das Cidades, da Casa Civil, de Governo e da Fazenda são as confirmadas até o momento, já que os secretários, assim como o governador Eduardo Campos, deixarão os cargos para disputar as eleições.

Nesta terça-feira(25), ainda como vice-governador, Lyra viaja a Brasília, onde participará da  solenidade de cerimônia de posse do conselheiro Valdecir Pascoal como presidente da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon). Especula-se que, além do compromisso divulgado oficialmente, Lyra pode aproveitar a passagem pela capital federal para articular sua futura gestão á frente do estado.

Posse
A cerimônia de posse de Lyra no dia 4 de abril terá início às 15h na Assembleia Legislativa, onde Eduardo vai ler sua carta-renúncia. Logo depois, também na Assembleia, Lyra será empossado como governador. Em seguida, ambos seguirão para o Palácio do Campo das Princesas, onde Eduardo Campos fará a transmissão simbólica do cargo.

No Palácio, Lyra levará Eduardo até o carro, marcando a sua saída do governo estadual. Por fim, após a despedida do pré-candidato, o novo governador de Pernambuco receberá os cumprimentos dos convidados. 

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.