• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Ainda sem nome » PP chega cada vez mais perto de fechar apoio á candidatura de Armando Monteiro Partido recebe comando da Chesf e sedimenta apoio a Dilma, que tende a apoiar o petebista

Andrea Cantarelli - Diario de Pernambuco

Publicação: 20/03/2014 08:31 Atualização: 20/03/2014 09:44

Partido recebe comando da Chesf e sedimenta apoio a Dilma, que tende a apoiar o petebista. Foto: Ana Volpe/Divulgação
Partido recebe comando da Chesf e sedimenta apoio a Dilma, que tende a apoiar o petebista. Foto: Ana Volpe/Divulgação

O deputado federal Eduardo da Fonte, presidente estadual do Partido Progressista (PP), confirmou ontem que o comando da Chesf foi entregue ao PP pela presidente Dilma Rousseff (PT), selando o apoio da sigla à reeleição presidencial da petista. Segundo Eduardo, ainda não exite um nome para ocupar o cargo, deixado recentemente pelo PSB depois de onze anos na gestão da companhia. Depois de confirmada a aliança nacional entre PT e PP, a aposta agora é do senador Armando Monteiro (PTB), pré-candidato ao governo de Pernambuco, em receber apoio dos progressistas para o pleito de 2014 no estado. O que pode ser concretizado, já que o PT nacional apoia a candidatura do petebista.

Apesar das novas promessas do governo federal deixarem Eduardo da Fonte mais perto de Armando, o deputado ainda não definiu o apoio de seu partido, e os pré-candidatos pernambucanos ainda vão ter que aguardar um pouco mais pela decisão.

Com o PT

Depois de vários encontros produtivos com representantes do Partido dos Trabalhadores (PT), realizados na tarde de ontem, Armando disse estar muito animado para sedimentar a aliança com a sigla, que tende a apoiá-lo nas eleições de outubro. Junto com o senador Humberto Costa (PT), Armando conversou com o ministro da Casa Civil, Aluísio Mercadante, e esteve com o deputado federal João Paulo (PT) e o presidente nacional do PT, Rui Falcão, que deixou a decisão em Pernambuco para a executiva estadual.

“Atualizamos o ministro sobre o quadro em Pernambuco. Ele já vem acompanhando o assunto e se mostrou interessado”, explicou o senador, referindo-se à possível ajuda de Mercadante nas costuras para incorporar mais partidos à frente que se forma com o PTB. A definição do PT local, ainda divivido entre o apoio ao senador e lançar candidato próprio, acontecerá no domingo, na Encontro de Tática Eleitoral do partido, que contará com 300 delegados.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.