• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Copa e política » Torneio de futebol do interior fará homenagem ao ex-governador Miguel Arraes Competição reunirá equipes de cem municípios pernambucanos em um projeto de integração estadual pelo futebol

Franco Benites

Publicação: 19/03/2014 15:53 Atualização:

Em ano de Copa do Mundo no Brasil, o futebol está presente em toda parte. Não foi diferente no encerramento do Congresso Pernambucano de Municípios nesta quarta-feira (19). O presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF-PE), Evandro Carvalho, esteve no evento e anunciou que criará a Copa do Interior, envolvendo cem localidades do estado. O torneio será batizado como Copa Miguel Arraes e começara em 2015.

De acordo com Evandro, o nome da Copa não tem nenhuma conotação política uma vez que o ex-governador Miguel Arraes, falecido em agosto de 2005, é neto do governador e presidenciável Eduardo Campos (PSB). "O nome é um reconhecimento ao grande estadista que foi Miguel Arraes", explicou.

De acordo com o presidente da FPF-PE, a Copa Miguel Arraes vai ajudar a promover cidadania e inclusão social nas cidades estaduais por meio do esporte. "Pernambuco recebeu o aval da Fifa e da CBF e será o primeiro estado do Brasil a buscarf a integração dos municípios através do futebol. O time vencedor do torneio terá ajuda de custo para se profissionalizar e no ano seguinte poderá disputar o Campeonato Pernambucano".

O prefeito de Afogados da Ingazeira e presidente da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), José Patriota (PSB), comemorou a iniciativa, classificada por Evandro Carvalho como "maior competição estadual com cidades do interior". "As cidades pernambucanas ficarão com a bola cheia", destacou Patriota.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.