• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Apoio » Lula e Dilma podem vir a Pernambuco em abril Dilma vem checar as obras do governo federal em andamento no estado e Lula terá compromissos políticos

Diario de Pernambuco - Diários Associados

Publicação: 19/03/2014 09:50 Atualização: 19/03/2014 10:41

Dilma recebeu um livro sobre a flora da caatinga. Foto: Reprodução Facebook (Foto: Reprodução Facebook)
Dilma recebeu um livro sobre a flora da caatinga. Foto: Reprodução Facebook
A presidente Dilma Rousseff (PT) e o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva devem cumprir agenda em Pernambuco no mês de abril. Segundo o pré-candidato ao governo do estado Armando Monteiro (PTB), Dilma virá nos próximos 30 dias para acompanhar as obras do governo federal em Pernambuco. Já o ex-presidente terá compromissos políticos. A expectativa é que ambos venham, mas em datas diferentes. O senador do PTB, que é o preferido do PT nacional para o governo, teve um encontro com a presidente nesta terça-feira (18) à noite, em Brasília (DF).

Na pauta da reunião, que também contou com a presença do prefeito de Petrolina Julio Lóssio (PMDB), foram discutidas questões como transporte e repactuação do BNDES com o município sertanejo. "Mesmo com viagens marcadas, a presidente Dilma fez questão de nos atender ontem. Ela é muito atenciosa com Pernambuco", frisou Armando. Julio Lóssio é um dos poucos prefeitos que fazem oposição ao governador Eduardo Campos (PSB) no estado, apesar de o PMDB estar na base do socialista. No final da audiência, Lóssio entregou à Dilma o livro Plantas Ornamentais da Caatinga, da professora Lucia Kill.

Provando que está mais afinado do que nunca com os petistas, Armando Monteiro postou ontem em seu perfil no Facebook um comentário em que defendia o programa Mais Médicos, atacado na mesma rede social por Eduardo Campos, horas antes. "O programa Mais Médicos faz parte de um amplo pacto de melhoria do atendimento às pessoas, especialmente aos que moram em regiões onde há escassez e ausência desses profissionais. Só em Pernambuco, 438 médicos prestaram 1,5 milhão de atendimentos. No país, 23 milhões de pessoas no interior e periferia das grandes cidades já foram beneficiadas. O único objetivo deste programa é promover a saúde da população", escreveu.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.