• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Giro Nacional » Eduardo Campos diz que eleição em São Paulo está "tranquilíssima" para o PSB

Aline Moura - Diario de Pernambuco

Publicação: 12/03/2014 16:31 Atualização: 12/03/2014 16:45

Deputado federal de São Paulo defendia, inicialmente, apoio do PSB à reeleição de Geraldo Alckmin. Foto de Alcione Ferreira/DP.  (Alcione Ferreira/DP. )
Deputado federal de São Paulo defendia, inicialmente, apoio do PSB à reeleição de Geraldo Alckmin. Foto de Alcione Ferreira/DP.
Embora integrantes da Rede ainda sonhem com a possibilidade de lançar um candidato ao governo de São Paulo que tenha o DNA da ex-senadora Marina Silva, o governador Eduardo Campos (PSB), cotado como presidenciável, tem outros planos. Segundo ele, o único nome cogitado, até agora, para disputar o governo paulistano é o do deputado federal Márcio França, um dos seus principais escudeiros. Ele disse não ter escutado sugestões de outros nomes e garantiu que o PSB nacional não vai precisar interferir no diretório daquele estado, como aconteceu no Maranhão, Rio de Janeiro e Ceará. 

Indagado sobre os nomes cogitados, Eduardo respondeu. “Está tudo tranquilíssimo (em São Paulo). Hoje só existe a pré-candidatura de Márcio França. O partido não decidiu sobre o nome de absolutamente ninguém, o que deliberou foi a candidatura própria. Estamos num fórum com vários partidos, não podemos nos antecipar em absolutamente nada e lá não vai precisar da (intervenção) da direção nacional. Muita coisa já está sendo resolvida por eles mesmos”, afirmou, referindo-se ao fim da polêmica inicial, onde o PSB estava dividido, parte querendo manter apoio à reeleição de Geraldo Alckmin (PSDB).

Questionado, novamente, se Marina Silva já tinha confirmado que seria sua vice na disputa presidencial, o governador declarou: “Na hora certa. Estamos cumprindo etapas”.

Campos esteve em São Paulo na última segunda-feira (10), onde participou de quatro agendas políticas. Ele se reuniu com empresários, com ambientalistas, médicos e lideranças do PSD, na casa do ex-prefeito Gilberto Kassab, presidente nacional do partido.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.