• (1) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

DEM » Mendonça está negociando rumo do DEM nas eleições estaduais Segundo o presidente estadual do partido, ainda não existe uma data para oficializar a posição. Nos bastidores, está o nome de Câmara

Diario de Pernambuco - Diários Associados

Publicação: 10/03/2014 10:25 Atualização: 10/03/2014 11:50

Deputado federal afirma que ainda não existe data para a oficialização do apoio a candidatos ao governo. Foto: Alcione Ferreira/DP/D.A Press (Alcione Ferreira/DP/D.A Press)
Deputado federal afirma que ainda não existe data para a oficialização do apoio a candidatos ao governo. Foto: Alcione Ferreira/DP/D.A Press

Segundo o presidente estadual do DEM, o deputado federal Mendonça Filho, o rumo do seu partido para as eleições de outubro aqui em Pernambuco ainda está em fase de negociação.

"Estamos conversando internamente para saber qual candidato vamos apoiar. Ainda não existe uma data para informar isso. Estamos decidindo", garantiu. Nos bastidores, entretanto, sabe-se que o PTB, que apoia a pré-candidatura de Armando Monteiro, está muito próximo do PT, o que afastaria o DEM do palanque de Armando.

Historicamente, o DEM, que foi criado por membros do antigo PFL, faz dura oposição à presidente Dilma Rousseff. Isso inviabilizaria o apoio dos democratas à candidatura de Armando e colocaria o partido junto ao pré-candidato Paulo Câmara, do PSB. Embora membros do DEM tenham atacado duramente o socialista Eduardo Campos no Campo das Princesas, o cenário muda quando ele parte como opção para a Presidência da República.

Outro indício da "paquera" entre o DEM e a campanha de Câmara pode ser notado durante o velório do ex-senador Sérgio Guerra (PSB), em que as lideranças dos dois partidos demonstraram intimidade.

Vereadora Priscila Krause afirma que vai se manter na oposição independente do apoio do DEM ao governo. Foto: Annaclarice Almeida / DP/ D.A. Press (Annaclarice Almeida / DP/ D.A. Press)
Vereadora Priscila Krause afirma que vai se manter na oposição independente do apoio do DEM ao governo. Foto: Annaclarice Almeida / DP/ D.A. Press
Para a líder da oposição na Câmara do Recife, Priscila Krause, independemente de qual lado o DEM possa seguir para o governo, ela continuará fazendo oposição ao prefeito Geraldo Julio (PSB). "Não fico desconfortável (caso o DEM alie-se ao PSB). Esse é o meu papel", disse.

O DEM deve ser seguido em sua escolha pelo Solidariedade, do deputado federal Augusto Coutinho.

Esta matéria tem: (1) comentários

Autor: wilson Rodrigues da Luz Luz
O DEM, já é um partido pequeno sem expressão, imaginem a única vereadora da capital, divergindo da direção do partido. Continuo dizendo o DEM, é um partido que já nasceu morto. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.