• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Justiça Eleitoral » TRE alerta que eleitores não precisam agendar para realizar o recadastramento biométrico Prazo para a realização do procedimento por eleitores do estado se encerra em março

Filipe Barros - Diario de Pernambuco

Publicação: 26/02/2014 15:40 Atualização: 27/02/2014 09:29

Foto: Bernardo Dantas/ DP/D.A Press/Arquivo
Foto: Bernardo Dantas/ DP/D.A Press/Arquivo
O fim do prazo para que o eleitor de 47 cidades pernambucanas realize o recadastramento biométrico está se aproximando. Só no Recife, 309 mil pessoas ainda não compareceram para realizar os procedimentos necessários para votar nas próximas eleições. Mostrando preocupação com os números, a Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa, presidida pela deputada estadual Raquel Lyra (PSB), realizou nesta quarta-feira (26) uma audiência pública visando discutir soluções para agilizar o processo. Atualmente, o Recife recadastrou 73,51% de eleitores.

A deputada estadual Terezinha Nunes (PSDB), que solicitou a audiência, comentou que o objetivo foi saber o que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) está fazendo para agilizar o processo e sugerir algumas alternativas. "Os últimos dados mostram que 30%
de eleitores ainda não fizeram a biometria. O tribunal poderia aumentar o expediente, funcionar aos sábados e domingos, aumentar o número de postos de atendimento, divulgar na rádio e na televisão a proximidade do fim do prazo, além de prorrogar a data final do recadastramento”, sugeriu a tucana.

As principais queixas dos líderes comunitários que compareceram à audiência são em relação à qualidade do serviço telefônico e pela internet, a distância das comunidades dos postos de atendimento e a capacidade financeira dos moradores. Além disso, os líderes denunciam que alguns postos só estão realizando o recadastramento com o eleitor agendado, contrariando a determinação do TRE de não obrigar o agendamento.

Sobre as reclamações, o presidente do TRE, José Fernandes, afirmou que a Justiça Eleitoral vem realizando um trabalho intenso e apontou soluções. "Além de analisar a prorrogação do prazo, cada líder comunitário pode comparecer à sede do TRE e agendar um dia específico para o atendimento exclusivo da sua comunidade. Fecharemos um posto de atendimento só para atender a respectiva comunidade", disse.

O presidente do TRE afirmou que "Pernambuco, entre as cidades brasileiras, está em primeiro lugar em números de recadastramentos realizados" e disse acreditar que, mesmo as cidades mais atrasadas como Timbaúba e Recife, atingirão 80% de recadastrados já na primeira semana depois do carnaval. "Depois do carnaval, pretendemos realizar uma campanha agressiva para que os eleitores compareçam", explicou. Ele também anunciou que haverá um posto de atendimento no Complexo Prisional do Curado, antigo Aníbal Bruno, e um no Presídio Bom Pastor para que os presos não sejam retirados das unidades.

Denúncia
O presidente do TRE, José Fernandes, afirmou que solicitou um colégio no bairro de Casa Amarela, mais precisamente no Sítio da Trindade, para a implantação de mais um ponto de atendimento na zona norte, mas a Prefeitura do Recife não cedeu o espaço. "Vamos acionar a prefeitura para saber o porquê da negativa. Inclusive a prefeitura foi convidada para participar da audiência e não compareceu", criticou a deputada Terezinha Nunes (PSDB).

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.