Pernambuco.com



  • (1) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Primeiro turno » Humberto contraria petistas do estado e defende apoio a Armando

Andrea Cantarelli - Diario de Pernambuco

Publicação: 07/02/2014 16:04 Atualização:

O senador Humberto Costa, líder do PT no Senado, contrariou o senso comum, propagado pelos petistas pernambucanos. Para ele, a melhor estratégia para o partido é não lançar candidatura própria ao governo do estado e apoiar ainda no primeiro turno o nome do senador Armando Monteiro (PTB). O pensamento de Humberto segue na mesma direção do já defendido pelo ex-presidente Lula, pela presidente Dilma Rousseff e pelo presidente nacional da sigla, Rui Falcão (SP).

A equação para resolver o problema, no estado, não é simples. As duas reuniões ocorridas neste ano no partido tiveram como consenso a tese de disputa da eleição com candidatura própria, mas sem ter Armando Monteiro como adversário. A aliança aconteceria no primeiro turno. Por essa lógica, o deputado federal João Paulo seria o candidato petista. Os dois partidos, inclusive, dariam palanque a Dilma, que tentará a reeleição tendo como adversário o governador de Pernambuco, Eduardo Campos.

Ao falar de Eduardo, Humberto admitiu que o ex-aliado é mais perigoso para o projeto petista que o senador Aécio Neves (PSDB-MG), que também vai disputar a Presidência. Ele disse que, por isso, o PT deverá “segurar” os partidos aliados, para evitar que eles migrem para o campo socialista. O senador prevê, inclusive, um ano de muito embate no Senado, principalmente por causa das eleições.

Esta matéria tem: (1) comentários

Autor: gilvan chaves
Começou outra vez. Quem é quem no PT e por conta disto DUDU lança chiquinho da carroça candidato ao governo do estado e o carroceiro tá eleito. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »