• (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Crime eleitoral » Filho de Dirceu é acusado de fazer boca de urna

Publicação: 06/02/2014 14:57 Atualização: 06/02/2014 15:32

Campanha de Zeca Dirceu em 2012. Foto: Divulgação
Campanha de Zeca Dirceu em 2012. Foto: Divulgação
Uma denúncia do Ministério Público aponta crime de boca de urna na eleição de 2010 contra o deputado federal Zeca Dirceu (PT-PR), filho do ex-ministro José Dirceu, preso pelo processo do mensalão. A denúncia ainda será analisada pelos ministros e é pauta no plenário na tarde desta quinta-dfeira (6).

Segundo o MP, Zeca Dirceu teria colocado adesivos e conversado com eleitores e mesários no momento da votação, o que caracterizaria o crime. A defesa do deputado alega falta de provas para sustentar a acusação.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.