• (1) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Regalia » Amigo diz que falou com José Dirceu na prisão por celular

Tércio Amaral

Publicação: 17/01/2014 08:45 Atualização: 17/01/2014 10:44

Ex-ministro teria acesso a telefones no presídio da Papuda, em Brasília. Foto: Tasso Marcelo/CB/D.A Press
Ex-ministro teria acesso a telefones no presídio da Papuda, em Brasília. Foto: Tasso Marcelo/CB/D.A Press

O ex-ministro José Dirceu (PT), preso e condenado no processo do mensalão no Supremo Tribunal Federal (STF), é alvo de uma nova polêmica. Um secretário do governo do estado da Bahia afirma ter conversado com o petista por celular na semana passada. O curioso é que Dirceu está preso há dois meses na Papuda, em Brasília. O autor da ligação foi James Correia, titular da Indústria, Comércio e Mineração na gestão Jaques Wagner (PT). O assunto é destaque da coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo desta sexta-feira (17).

Segundo a publicação, o amigo que conversou por telefone com Dirceu é empresário do setor de gás e petróleo. A amizade seria de longa data, até porque o petista chegou a ser consultor neste segmento logo após sua saída da política. Correia disse que o amigo está “bem disposto e animado” por conta de seu novo trabalho na biblioteca do presídio. “Ele está fazendo o que gosta”, completou. A conversa aconteceu no dia 6 de janeiro. Correia diz ter falado ter falado com Dirceu pelo celular de um amigo em comum que visitava o ex-ministro na Papuda, onde a entrada de celulares não é permitida. Ele não quer identificar o dono do telefone.

A coluna, que é assinada interinamente pelo jornalista Bernardo Mello Franco, traz outra polêmica. No primeiro contato com a coluna, Correia confirmou que tinha falado diretamente com José Dirceu. Num segundo contato, no entanto, o secretário mudou a versão. Ele disse que José Dirceu não falou diretamente com ele, mas respondeu às suas perguntas por meio do “amigo misterioso”. Apesar da comunicação “indireta” dita na segunda versão, o amigo do ex-ministro e aliado do ex-presidente Lula disse que não houve qualquer privilégio para o petista.

“Ele é uma das pessoas mais vigiadas na questão de não ter regalias. Não houve nenhuma irregularidade. Em breve, ele poderá falar o dia inteiro ao telefone, porque estará trabalhando”, declarou Correia. Antes da prisão, Dirceu era hóspede frequente da ampla casa do secretário na Praia do Forte (BA). O ex-ministro, inclusive, pousava para fotos na residência. Orgulhoso da propriedade, o secretário costuma descrevê-la como “pedaço do paraíso”.

A defesa do ex-ministro José Dirceu declarou que não iria se posicionar sobre o episódio. O advogado José Luís de Oliveira Lima disse não sabe se o fato é verdadeiro ou não. “Vou conversar com meu cliente amanhã (hoje), e aí saberei”. José Dirceu foi condenado a 10 anos e 10 meses de prisão pelos crimes de formação de quadrilha e corrupção ativa no regime semiaberto.

Esta matéria tem: (1) comentários

Autor: norma silva
não sei qual é o espanto: TODOS JÁ SABEM QUE OS PRESOS TEM CELULAR NA MÃO . | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.