Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Governo do estado » Posse de novos secretários de Eduardo Campos será nesta sexta-feira

Diario de Pernambuco - Diários Associados

Publicação: 02/01/2014 15:43 Atualização: 03/01/2014 09:59

As mudanças no secretariado foram anunciadas durante coletiva sobre reajuste de salário dos professores. Foto: Júlia Schiaffarino/DP/D.A Press (Júlia Schiaffarino/DP/D.A Press)
As mudanças no secretariado foram anunciadas durante coletiva sobre reajuste de salário dos professores. Foto: Júlia Schiaffarino/DP/D.A Press

O governador Eduardo Campos (PSB) confirmou as mudanças na equipe durante entrevista sobre o reajuste de 8,32% no salário dos professores do estado nesta quinta-feira (2). A posse dos novos auxiliares será nesta sexta-feira (3), às 10h. As exonerações e nomeações dos seis novos secretários será publicada nesta sexta-feira no Diário Oficial do estado. Além disso, Eduardo promoveu mudanças no Detran.

A principal novidade da reforma do secretariado será a acomodação do PSDB, o mais novo integrante da Frente Popular. Os tucanos até hoje ocupavam as fileiras da oposição a Eduardo na Assembleia Legislativa e devem preencher os espaços deixados pelo PT e PTB. Ambos deixaram o governo e pretendem trilhar um caminho independente em 2014, com a candidatura do senador trabalhista Armando Monteiro Neto.

As mudanças na equipe de Eduardo ocorrerão em duas etapas. Nesta primeira, deixam o governo os secretários-deputados, que haviam se licenciado da Assembleia Legislativa para compor o secretariado socialista. Ao todo, são quatro deputados retomam os mandatos: Isaltino Nascimento (PSB), de Transportes; Alberto Feitosa (PR), de Turismo; Laura Gomes (PSB), de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos; e Aluísio Lessa (PSB), de Articulação Social e Regional. A segunda etapa será realizada em abril, no prazo máximo de desincompatibilização para aqueles que pretendem disputar cargos eletivos.

A reforma administrativa foi anunciada por Eduardo durante entrevista ao Programa do Jô, na TV Globo, em 11 de novembro ao ser questionado sobre o número de ministérios da presidente Dilma Rousseff, com quem disputará a eleição presidencial em outubro. Dias após a entrevista, o governador encaminhou o projeto de reestruturação da máquina administrativa para a Assembleia Legislativa, reduzindo de 28 para 23 pastas, o que resultará, segundo o governo, numa economia de R$ 50 milhões ao ano por reorganizações administrativas. O projeto foi sancionado pelo socialista na última segunda-feira (30).

Confira os nomes:

SECRETARIA DE CULTURA

Secretário: Marcelo Canuto
Profissão: Advogado

Nascido no Recife, Marcelo Canuto Mendes, 49 anos, é formado em Direito pela UFPE. Iniciou sua carreira pública como oficial de gabinete da Secretaria de Imprensa de Pernambuco, no segundo Governo de Miguel Arraes (1987-1990). Foi chefe de gabinete da Secretaria de Assuntos Jurídicos da Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes durante o período de intervenção estadual no município (1988) e diretor do Departamento de Relações com os Poderes Municipais da Secretaria de Governo de Olinda a partir de 1989. Foi gerente-geral da Secretaria de Projetos Especiais no terceiro Governo de Miguel Arraes (1995-1998). No Governo Eduardo Campos, respondeu pela Gerência Geral de Gestão da Secretaria Especial de Articulação Social do Estado (2007-2010), pasta da qual passou a ser o secretário em  março de 2010. Desde 2001, foi nomeado secretário-executivo de Relações Institucionais e Articulação Parlamentar da Casa Civil, tendo entre suas atribuições o acompanhamento das ações desenvolvidas pelo Estado na área da Cultura. Assumiu interinamente, por diversas ocasiões, a titularidade da Casa Civil, tendo ainda acumulado, entre janeiro de 2012 e junho de 2013, a Secretaria-Executiva de Articulação Política da referida pasta. Em outubro de 2013, foi designado para responder pela Secretaria de Cultura.

SECRETARIA DE DEFESA SOCIAL

Secretário: Alessandro Carvalho
Profissão: Delegado federal

Natural de Salvador (Bahia), o Delegado Federal Alessandro Carvalho Liberato de Mattos, 40 anos, exerceu o cargo de Delegado Regional Executivo da Superintendência da Polícia Federal no Estado do Rio Grande do Norte, chefiou as Delegacias de Polícia Federal em Juazeiro (Bahia) e em Foz do Iguaçu (Paraná), além de ter sido Delegado Regional de Combate ao Crime Organizado  e Delegado Regional Executivo da Superintendência da Polícia Federal no Estado da Bahia, dentre outros cargos assumidos na Polícia Federal, na qual ingressou em 1999. Bacharel em Direito pela Universidade Federal da Bahia, foi advogado Cível e Comercial. Exerceu o cargo de secretário-executivo de Defesa Social em Pernambuco desde julho de 2010, vindo a responder pela pasta desde dezembro de 2013.

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DIREITOS HUMANOS

Secretário: Bernardo d'Almeida
Profissão: Auditor da Fazenda de Pernambuco

Nascido no Recife e formado em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Bernardo Juarez D'Almeida, 42 anos, é auditor tributário do Tesouro Estadual desde 1994, tendo exercido cargos de gerência na Secretaria da Fazenda, de onde é funcionário de carreira. Em 2008, ingressou no time do Governo de Pernambuco ao assumir a Gerência Geral de Ações Governamentais do Pacto pela Vida, cargo que ocupou até o final de 2010. Em janeiro de 2011, foi nomeado secretário executivo de Gestão por Resultados da Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado. Começou a trabalhar no Pacto pela Vida quando o então secretário de Planejamento e hoje prefeito do Recife, Geraldo Julio, assumiu a coordenação do Comitê Gestor do Pacto pela Vida. Ainda em 2011, a convite do então secretário de Planejamento e Gestão Alexandre Rebêlo, iniciou os trabalhos de construção dos Pactos pela Educação e pela Saúde.

SECRETARIA DE INFRAESTRUTURA

Secretário: João Bosco de Almeida
Profissão: Engenheiro elétrico

Formado em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), João Bosco de Almeida, paraibano com título de cidadão pernambucano (2009), tem uma trajetória profissional ligada às áreas de educação, operação de sistemas elétricos, usinas hidroelétricas, gestão de redes de abastecimento de água, planejamento empresarial e desenvolvimento gerencial. Ex-seminarista, atuou inicialmente como professor de física. Servidor de carreira da Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf) há 40 anos, começou como estagiário e chegou a Diretor Administrativo, passando ainda pelos cargos de gerente do Serviço Regional de Manutenção de Campina Grande, gerente do Centro de Formação Profissional de Paulo Afonso, diretor de operação e membro do Comitê de Planejamento Empresarial. Ainda na Chesf, atuou como instrutor e chefe do setor de treinamento, tendo colaborado com a especialização de inúmeros quadros da engenharia no Norte/Nordeste, em especial dos setores hídrico e elétrico. Atuou também em cargos executivos nos governo da Paraíba e de Pernambuco. Foi secretário de Infraestrutura no final da década de 1990, durante o terceiro Governo de Miguel Arraes de Alencar. Já no Governo Eduardo Campos, foi secretário de Recursos Hídricos e Articulação Regional, entre 2007 e 2010, período em que também acumulou a presidência da Compesa. No segundo mandato de Eduardo Campos, Bosco foi secretário de Recursos Hídricos e Energéticos no ano de 2011, quando deixou a gestão para assumir a presidência da Chesf, onde permaneceu até o final de 2013.

SECRETARIA DE TRABALHO, QUALIFICAÇÃO E EMPREENDEDORISMO

Secretário: Murilo Guerra
Profissão: Advogado

O advogado Murilo Guerra, 66 anos, é procurador do Estado e ocupou a Procuradoria-Geral Adjunta de Pernambuco no Governo Joaquim Francisco (1991-1994). Guerra também foi superintendente por do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Pernambuco (Sebrae-PE) por dois mandatos do Sebrae e já foi procurador-chefe da Fazenda.

SECRETARIA DE TURISMO

Secretário: Adailton Feitosa
Profissão: Auditor do Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE)

Natural de Serra Talhada, Adailton Feitosa tem 42 anos. Formado em Direito pela UFPE, com especialização em gestão pública e controle externo pela UPE e mestrado em gestão pública pela UFPE. Ingressou como auditor do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco em 1992, tendo exercido as funções de assessor do auditor Carlos Maurício, assessor do conselho Romeu da Fonte, inspetor de Surubim e de Garanhuns, diretor de controle municipal, coordenador de controle externo, diretor geral, assessor do conselheiro Marcos Loreto e chefe de gabinete da Presidência do TCE-PE. Em janeiro de 2012, entrou na Empetur, onde exerceu o cargo de diretor administrativo-financeiro e de vice-presidente até janeiro de 2013. Desde então, exercia o cargo de secretário-executivo de Turismo de Pernambuco. Também é professor de Direito da UniNassau.

Com informações da repórter Júlia Schiaffarino, do Diario de Pernambuco

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »