Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Balanço » Renan Calheiros anunciou economia de R$ 275 milhões no Senado em 2013 O presidente do Senado é flagrado mais uma vez em voo da FAB sem agenda de trabalho

Leandro Kleber

Publicação: 23/12/2013 07:38 Atualização:

Renan viajou de jatinho para fazer um implante capilar no Recife foto: Iano Andrade/ CB/ D.A Press (Jose Varella/CB)
Renan viajou de jatinho para fazer um implante capilar no Recife foto: Iano Andrade/ CB/ D.A Press

Enrolado em mais um caso de voo com avião da Força Aérea Brasileira (FAB) sem agenda de trabalho, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), concluiu 2013 fazendo um balanço das atividades legislativas em que destacou “uma economia de R$ 275 milhões” feita pela Casa apenas este ano. Em ofício endereçado à presidente Dilma Rousseff, Renan chega a afirmar que devolverá os recursos e sugere, inclusive, a aplicação do montante em programas sociais. Porém, números do próprio Senado, da base de dados do Siga Brasil, mostram que, ao contrário do anúncio entusiasmado de Renan no plenário na última quinta-feira, o órgão acelerou as despesas em relação a 2012.

O Siga Brasil aponta que o Senado gastou R$ 2.732.438.104,39 entre fevereiro (mês em que Renan assumiu a presidência) e novembro (último mês encerrado) deste ano. O valor é R$ 23,4 milhões superior aos R$ 2.709.042.317,27 desembolsados no mesmo período de 2012. O cálculo leva em conta tudo que foi pago pelo órgão, incluindo os restos a pagar quitados. O aumento se deu principalmente com o pagamento de pessoal e encargos sociais, que inclui os salários dos parlamentares, dos servidores e dos comissionados.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »