Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Alianças » Depois de Eduardo Campos, é a vez de Daniel Coelho se encontrar com Aécio

Aline Moura - Diario de Pernambuco

Publicação: 09/12/2013 17:32 Atualização: 09/12/2013 18:39

No ano passado, Daniel Coelho ficou em segundo lugar como candidato a prefeito, mesmo sem o senador Aécio Neves ser popular em Pernambuco. 	Foto: Eduarda Bione/Esp.DP/D.A Press (Eduarda Bione/Esp.DP/D.A Press)
No ano passado, Daniel Coelho ficou em segundo lugar como candidato a prefeito, mesmo sem o senador Aécio Neves ser popular em Pernambuco. Foto: Eduarda Bione/Esp.DP/D.A Press
O líder da oposição na Assembleia Legislativa, Daniel Coelho (PSDB), viajou para São Paulo nesta segunda-feira (9) para se reunir com o senador Aécio Neves, presidenciável da legenda tucana, e participar de um jantar com um grupo de ambientalistas. Ele disse que soube do encontro realizado entre Aécio Neves e o governador Eduardo Campos (PSB) no domingo à noite, num restaurante do Rio de Janeiro, mas ainda não soube o teor da conversa.

Segundo Daniel, no caso de o PSDB se aliar ao PSB no estado e manter uma trégua política com os socialistas de olho no segundo turno presidencial, ele fará campanha apenas para Aécio Neves. Ou seja, ficará neutro na disputa estadual.

Indagado sobre como tinha visto a declaração de apoio do prefeito de Jaboatão, Elias Gomes (PSDB), a um dos pré-candidatos do PSB ao governo do estado, Fernando Bezerra Coelho, o deputado arrematou. “É uma posição dele, todo mundo tem direito de opinar. Mas eu não vejo ninguém do PSDB querendo apressar a decisão”, afirmou.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »