Pernambuco.com



  • (3) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Nova tentativa » Manobra do PT tenta livrar Genoino da cassação Petistas usarão o argumento de que, por motivos de saúde, o deputado não poderá defender o mandato

Adriana Caitano - Correio Braziliense

Publicação: 03/12/2013 06:53 Atualização:

Genoino está de licença médica e apresentou pedido na Câmara para ser aposentado: Agência Brasil/Marcelo Casal Jr
Genoino está de licença médica e apresentou pedido na Câmara para ser aposentado: Agência Brasil/Marcelo Casal Jr

A Mesa Diretora da Câmara se reúne hoje para decidir se abre processo de cassação do mandato de José Genoino (PT-SP), menos de 24 horas depois de o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, recomendar que o deputado licenciado continue em prisão domiciliar. O comentário de Janot contraria o laudo da junta médica da Universidade de Brasília (UnB), emitido na semana passada indicando que o petista não precisa ficar em casa para se tratar de doença cardíaca.

Com a posição favorável do Ministério Público, o PT já adiantou a manobra que utilizará para tentar impedir que o parlamentar seja cassado: adiar a decisão até que o médicos da Casa definam se aposentam Genoino por invalidez, sob o argumento de que até lá ele não tem saúde para se defender. Outra arma utilizada pelos petistas é a ameaça. “Aqui se faz, aqui se paga”, disse o líder do partido e irmão do deputado, José Guimarães (CE).

Ontem, o vice-presidente da Câmara, André Vargas (PT-PR), subiu na tribuna para adiantar a tática de adiar mais um pouco a decisão sobre o processo contra Genoino. Há duas semanas, ele pediu vista do assunto antes mesmo de ser votado, na tentativa de deixar a análise para depois do laudo sobre a aposentadoria.

O vice-presidente da Casa diz já ter conversado pessoalmente sobre o assunto com todos os demais integrantes da Mesa — apenas um dos sete é da oposição — e afirma ter “apelado para suas consciências e o senso de humanidade”. Vargas garantiu que “não se trata de manobra” nem de uma posição partidária. Mas, segundos depois, José Guimarães, que evitava falar sobre o assunto, deu declarações à imprensa em tom de ameaça, sem especificar o alvo nem o que pretendia fazer.

Mesmo depois de dois laudos médicos apontarem que Genoino não é portador de cardiopatia grave, Rodrigo Janot manifestou-se contrário à volta do petista para a cadeia. Em parecer encaminhado ontem ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, o procurador recomendou a prisão domiciliar do petista por um período de 90 dias para que então o estado de saúde dele seja reavaliado.

Esta matéria tem: (3) comentários

Autor: Daniel Loiola
Espero que a lei seja respeitada e o bom senso prevaleça. Não consigo conviver com a ideia de que alguém que cometeu o crime de corrupção seja beneficiado. Parece que os seus defensores têm algo a perder. Vergonhoso! lamentável! Qualquer funcionário público seria demitido rapidamente. | Denuncie |

Autor: Antonio Silva
O que se esperar de um "partido" de quadrilheiros corruptos? De pessoas que nunca pensam na população e sim em se perpetuarem no poder eternamente! De grupos esquerdistas que só sabem gerar conflitos,confusões...Solução que é bom nunca apresentam! Sem falar que agem assim (em panelas) protegendo-se! | Denuncie |

Autor: aldir da paz
ah! se arrependimento matasse. bem que meu pai dizia que quando o PT fosse governo o que era ruim ficaria pior. e eu de besta dizia que ele tava errado. conselho de pai tem que ser ouvido mesmo. PT, nunca mais, pelo menos de minha parte. e da sua? ACORDA BRASIL!!! | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »