Pernambuco.com



  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

ENTREVISTA » Humberto: preocupação com a unidade da Frente

Rosália Rangel

Publicação: 07/06/2012 16:12 Atualização: 07/06/2012 22:52

Humberto Costa durante a  primeira entrevista como pré-candidato a prefeito do Recife. (Helder Tavares/DP/D.A Press)
Humberto Costa durante a primeira entrevista como pré-candidato a prefeito do Recife.
Na primeira entrevista como pré-candidato a prefeito do Recife, o senador Humberto Costa (PT) deixou claro que uma de suas principais preocupação é de unir os partidos da Frente Popular. Afirmou que a “conjunção de forças” é o que tem contribuído para o desenvolvimento do país e do estado e que o Recife não pode ficar de fora dessa realidade. “Venho com a responsabilidade de unir a Frente Popular. Essa é um compromisso de todos nós”.

O petista garantiu que, a partir de agora, a sua missão será de procurar todos os partidos da base, o governador Eduardo Campos (PSB), que chamou de “fiador” da aliança governista, o senador Armando Monteiro Neto (PTB) e demais legendas que estão no campo político da presidente Dilma Rousseff (PT), de Eduardo Campos e do governo municipal.

Humberto Costa afirmou, ainda, que aceitou disputar a Prefeitura do Recife a pedido do ex-presidente Lula. “É um desafio muito grande. Uma tarefa muito grande. Recife é a cidade onde criei meus filhos. É uma honra para qualquer cidadão poder ter a possibilidade de governar uma cidade como o Recife”, frisou. O senador também prometeu, caso seja eleito, avançar nas políticas sociais, nas ações de infraestrutura, como mobilidade da capital pernambucana. Humberto concede entrevista coletiva na sede do PT estadual, em Santo Amaro.
Ao lado do senador estão o presidente estadual do PT, o deputado federal Pedro Eugênio, o deputado federal João Paulo, o secretário de Transportes, Isaltino Nascimento (PT), e o presidente da Câmara do Recife, Jurandir Liberal (PT).
Tags: celular

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »