Notícias, Esporte, Pernambuco, Política, Tecnologia, Vídeos, Fotos, Mundo, Divirta-se

Pernambuco.com

Recife, 25/JUL/2017
 
cheia

  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Hospedagem » Hotelzinho é opção para quem vai viajar e não pode levar o cão Nos espaços, os animais ficam soltos e ativos, mas siga as recomendações para garantir a saúde e bem-estar do bichinho

Diario de Pernambuco

Publicação: 10/01/2017 23:29 Atualização:

Pet passa por intensas atividades físicas e recreativas realizadas no lugar onde estão hospedados. Foto: Caninos Adestramento/Divulgação (Pet passa por intensas atividades físicas e recreativas realizadas no lugar onde estão hospedados. Foto: Caninos Adestramento/Divulgação)
Pet passa por intensas atividades físicas e recreativas realizadas no lugar onde estão hospedados. Foto: Caninos Adestramento/Divulgação

Férias são sinônimo de viagem e descanso para muita gente. Contudo, quem tem um animal de estimação e não pode levá-lo nesse período de recesso deve seguir recomendações que garantam a saúde e bem-estar do bichinho.

O adestrador de cães Nahum Anselmo dos Santos, que tem formação em psicologia canina, atenta para duas possibilidades: deixar o cão em casa ou levá-lo a um hotel canino. O profissional aponta a segunda opção como a mais recomendável. "Se o dono deixar o cão em casa, a tendência de que ele sofra com a saudade é maior. O índice de cães que fogem de casa aumenta, e eles ainda passam por riscos como atropelamentos", opina.

Também se deve tomar cuidado com os tradicionais fogos de artifício de fim de ano. Segundo Nahum, os cães têm audição muito aguçada e o barulho os assusta. "Nesse caso, é recomendado que o dono deixe um som ligado em um volume que impeça o animal de ouvir os fogos. Colocar chumaço de algodão nos ouvidos dos cachorros também é aconselhável", alerta.

Mas se o dono não tem condições financeiras de colocar seu xodó fora de casa, o jeito é deixar outra pessoa responsável pelos cuidados. "Nunca se deve deixar uma vasilha cheia de ração para ele se alimentar. A comida fica contaminada e a baba do cachorro acaba fermentando a ração. Também podem surgir vermes na ração. Essas coisas acabam desregulando o intestino do animal. É importante que o dono deixe alguém pronto para alimentar o cão. A vasilha deve ser recolhida 20 minutos depois de servida", aconselha Nahum.

Para o caso de o animal ficar em um hotel especializado, o adestrador diz que estrutura, segurança e pessoas capacitadas para cuidar de cães são o princípio de tudo. "Em um hotel canino, o cão não fica preso. Muito pelo contrário. Ele fica solto, ativo", garante. "Os donos devem conhecer o local antes de deixar seus cães", completa.

De acordo com Nahum Anselmo, os hotéis caninos devem contar com recreadores, para tratar da autoestima dos animais, e também com veterinários, para casos de emergência. "No hotel se trabalha para que o animal não sofra com a ausência do dono. É aí que entra o trabalho do recreador, que proporciona diversas atividades para os animais, através da interação desses cães com o ser humano e com outros cachorros", sublinha. "A vacinação do cão deve estar em dia. Proteção contra carrapatos também deve ser garantida. Um hotel não pode aceitar a hospedagem de um cão que não esteja com sua vacinação em dia", pontua.

Funcionário do hotel-fazenda Caninos Adestramento, o adestrador atesta: 90% dos clientes relatam que seus cães voltam para casa enfadados devido às intensas atividades físicas e recreativas realizadas no lugar onde estavam hospedados. "Isso é ótimo. Trabalhamos para evitar que o cão se estresse. É feito um trabalho psicológico para que ele não brigue com outros cães. Em situações de estresse, ele tem tendência a uma queda de imunidade e fica vulnerável a viroses. Esse cuidado tem importância maior para cães idosos e para cães que passaram por algum tipo de tratamento recentemente", encerra.

Saiba onde hospedar seu cão:

Caninos Adestramento
Endereço: Rua Cecília Meireles, s/n
Granja Vovó Livramento - São Lourenço da Mata/PE
Contatos: (81) 98748-1388
(81) 99968-2534
DIária: R$ 40 (até 10 dias) e R$ 30 (acima de 10 dias)

Planet Pet
Endereço: Rua 10 de Julho, 414
Boa Viagem - Recife/PE
Contatos: (81) 3462-6308
(81) 99540-6300
(81) 99116-6308
Diária: a partir de R$ 60 (a depender do tamanho do animal)

Petit Pet
Endereço: Rua Helio Falcão, 165
Boa Viagem - Recife/PE
Contato: (81) 3465-1168
(81) 3032-6098
Diária: R$ 60 para animais de porte pequeno; R$ 70 para animais de médio ou grande porte

Planeta Animal
Endereço: Avenida Carlos de Lima Cavalcante, 2548
Casa Caiada - Olinda/PE
Contatos: (81) 3432-6626
(81) 99976-0161
Diária: R$ 50

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.










SIGA

Facebook

Google+

Twitter

Rss