Morre bebê de britânica que se juntou ao EI O porta-voz das forças que combatem os jihadistas não deu detalhes sobre a morte da criança

Por: Estadão Conteúdo - Estadão Conteúdo

Publicado em: 09/03/2019 10:17 Atualizado em:

Foto: Laura Lean/Pool/AFP
Foto: Laura Lean/Pool/AFP

O bebê de Shamima Begum, a jovem britânica que aos 15 anos fugiu para se juntar ao Estado Islâmico, morreu na Síria, confirmou ontem o porta-voz das forças que combatem os jihadistas. 

O porta-voz não deu detalhes sobre a morte do bebê da jovem de 19 anos, de quem o governo britânico retirou a nacionalidade por "questão de segurança".

Shamima deu à luz seu terceiro filho em um campo de refugiados no norte da Síria depois de fugir do último reduto do EI. As outras crianças morreram por doenças.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.