Sobrenatural Rumores de invasão alienígena tomam conta de Nova York Um incidente na central da companhia de eletricidade ConEdison provocou luzes azuis no céu e desatou uma série de especulações curiosas nas redes sociais

Por: AFP - Agence France-Presse

Publicado em: 28/12/2018 08:42 Atualizado em:

foto: Suzane de Oliveira, SARAIRIS MARÍN / Twitter of @prithvidatla / AFP
foto: Suzane de Oliveira, SARAIRIS MARÍN / Twitter of @prithvidatla / AFP
 
 
Nova York, Estados Unidos - Um festival de luzes azuis no céu surpreendeu na noite de quinta-feira (27/12) os nova-iorquinos e desatou uma série de especulações curiosas nas redes sociais. Mas tudo não passou da explosão de um transformador. O incidente ocorreu em uma central da companhia de eletricidade ConEdison em Astória, no bairro do Queens, que fica de frente para Manhattan, pouco depois das 21H00 local (23h00 de Brasília).

Uma série de raios azulados iluminaram os céus da capital financeira dos Estados Unidos e imediatamente desatou uma chuva de tuítes que anunciavam a chegada de extraterrestres ou mesmo super-heróis. "O céu acabou de ficar azul? Estou muito confuso, acho que extraterrestres acabam de tentar roubar Nova York", afirma um usuário do Twitter.

"O céu de Nova York ficou exatamente como no momento em que Thanos chegou à Terra", tuitou outro internauta, Jeff Lowe, aludindo ao vilão todo-poderoso de do filme Vingadores Guerra Infinita.
 
Também teve quem recorresse a explicações religiosas. Mas, por fim, os nova-iorquinos tiveram de aceitar uma explicação muito menos espetacular. "Nada de extraterrestres", afirmou Eric Phillips, porta-voz do prefeito de Nova York. "Foi apenas um transformador que explodiu na central de ConEd, no Queens", explicou, no Twitter.

O tráfego do aeroporto de La Guardia, situado não muito longe do lugar do ocorrido, se viu brevemente interrompido, assim como a linha 7 do metrô, que atravessa a localidade afetada.

Não houve ocorrência de feridos e que a situação logo ficou sob controle. De sua parte, a companhia ConEdison confirmou um pouco mais tarde que tudo não passou de um rápido incêndio na subestação de de Astória. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.