Mundo Austrália lamenta decisão de Japão de retomar caça a baleias em 2019 Em comunicado conjunto, as ministras Marise Payne (Relações Exteriores) e Melissa Price (Meio Ambiente) disseram que o governo australiano está "extremamente desapontado" com o anúncio

Por: Agência Brasil

Publicado em: 26/12/2018 16:39 Atualizado em:

O governo da Austrália lamentou hoje (26) a decisão do Japão de retomar a caça comercial de baleias a partir de julho do próximo ano. Em comunicado conjunto, as ministras Marise Payne (Relações Exteriores) e Melissa Price (Meio Ambiente) disseram que o governo australiano está "extremamente desapontado" com o anúncio. As ministras apelaram ao Japão para rever a decisão. Elas afirmaram que vão se manter contra a caça comercial, assim como para fins de pesquisa. O comunicado conjunto é incisivo.

“O governo australiano está extremamente desapontado com o fato de o Japão ter anunciado sua retirada da Convenção Internacional para a Regulamentação da Pesca da Baleia e seu órgão decisório, a Comissão Internacional da Baleia, e retomar a caça comercial à baleia.”

Em seguida, as autoridades australianas apelam para que o Japão não leve adiante a decisão. “A decisão de retirada [do organismo internacional de proteção às baleias] é lamentável e a Austrália insta o Japão a regressar à Convenção e à Comissão como uma questão prioritária.”

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.