brexit UE e Londres alcançam um projeto de acordo sobre sua futura relação Os dois lados também chegaram à conclusão de que o período de transição previsto depois da saída do Reino Unido em 29 de março pode se estender até o final de 2022, dois anos a mais que o inicialmente programado

Por: AFP - Agence France-Presse

Publicado em: 22/11/2018 10:19 Atualizado em:

Foto: Reprodução/Internet
Foto: Reprodução/Internet
A União Europeia e Londres alcançaram um projeto de acordo sobre a declaração política que acompanhará o texto de divórcio e que representa o ponto de partida para negociar a futura relação comercial, anunciou nesta quinta-feira (22/11) o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk.

"Esta declaração estabelece os parâmetros para uma associação ambiciosa, ampla, profunda e flexível nos âmbitos da cooperação comercial e econômica (...) a política externa, a segurança e a defesa, e âmbitos de cooperação mais amplos", segundo o projeto de 26 páginas, consultado pela AFP.

Os dois lados também chegaram à conclusão de que o período de transição previsto depois da saída do Reino Unido em 29 de março pode se estender até o final de 2022, dois anos a mais que o inicialmente programado.

Em 1º de julho de 2020, ambas as partes deverão decidir se prolongam um ou dois anos o período de transição previsto inicialmente até 31 de dezembro de 2020 e durante o qual devem decidir sua futura relação comercial, política e de segurança, segundo o documento consultado pela AFP.

O governo britânico anunciou, por sua vez, que a primeira-ministra Theresa May fará um discurso ante o Parlamento nesta quinta-feira para falar sobre este acordo provisório.

Após o anúncio do projeto, a libra esterlina subiu mais de 1% frente ao dólar.

A moeda britânica era negociada a 1,2917 dólar frente ao 1,2778 dólar na quarta-feira.

Não conseguia, no entanto, recuperar o nível anterior à dura queda da quinta passada depois da demissão de vários membros do governo britânico devido ao Brexit.


TAGS: brexit londres ue

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.