programa militar Coreia do Sul e Estados Unidos retomam manobras militares O Programa de Intercâmbio Marítimo Sul-Coreano (KMEP), que envolve cerca de 500 fuzileiros sul-coreanos e americanos, foi retomado para uma atividade de duas semanas em Pohang, Coreia do Sul

Por: AFP - Agence France-Presse

Publicado em: 05/11/2018 08:06 Atualizado em:

Foto: YONHAP / AFP
Foto: YONHAP / AFP
Coreia do Sul e Estados Unidos retomaram nesta segunda-feira (5/11) suas manobras militares em pequena escala, depois de serem suspensas em função da histórica reunião entre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e do líder norte-coreano Kim Jong Un.

Os exercícios combinados entre as duas marinhas fazem parte de uma "seleção de manobras" adiada em junho para o encontro em Singapura, quando Trump prometeu suspender esses exercícios onerosos e considerados provocativos no Norte.

O Programa de Intercâmbio Marítimo Sul-Coreano (KMEP), que envolve cerca de 500 fuzileiros sul-coreanos e americanos, foi retomado nesta segunda-feira para uma atividade de duas semanas em Pohang, no sul do país, informou uma porta-voz do Ministério da Defesa sul-coreano. 

Washington tem 28.500 soldados posicionados na Coreia do Sul para protegê-lo de seu vizinho do norte, que possui arma atômica. Durante muito tempo os dois países realizaram exercícios conjuntos descritos como puramente defensivos, embora Pyongyang os considerasse como uma preparação de invasão de seu território.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.