vaticano Papa expulsa do sacerdócio padre chileno Fernando Karadima por abuso sexual Segundo comunicado divulgado pelo vaticano, o pontífice e tomou a decisão excepcional de forma ""consciente e pelo "bem da Igreja"

Por: AFP - Agence France-Presse

Publicado em: 28/09/2018 12:24 Atualizado em:

Foto: Vincenzo PINTO / AFP
Foto: Vincenzo PINTO / AFP
O papa Francisco expulsou do sacerdócio o padre chileno Fernando Karadima por abuso sexual, a maior condenação possível dentro da Igreja católica, anunciou o Vaticano nesta sexta-feira (28/9).

"O papa Francisco demitiu da função clerical Fernando Karadima Fariña, da arquidiocese de Santiago do Chile. O Santo Padre tomou esta decisão excepcional de forma consciente e pelo bem da Igreja", informa o comunicado do Vaticano.

Karadima, formador de vários bispos, havia sido suspenso por toda vida de suas funções pelo Vaticano em 2011 após ser condenado por abuso sexual de menores.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.