Segurança Ataque do Estado Islâmico mata 21 integrantes das forças do regime sírio A emboscada aconteceu em Tlul al-Safa, no deserto da província de Sueida, último reduto do EI nesta região

Por: AFP - Agence France-Presse

Publicado em: 11/09/2018 09:22 Atualizado em: 11/09/2018 09:36

Foto: AFP / Arquivo
Foto: AFP / Arquivo
Ao menos 21 soldados do governo e milicianos favoráveis ao regime morreram em uma emboscada do grupo extremista Estado Islâmico no sudeste da Síria, afirmou a ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

A emboscada aconteceu em Tlul al-Safa, no deserto da província de Sueida, último reduto do EI nesta região, que fica 100 km ao sudeste de Damasco, de acordo com o diretor do OSDH Rami Abdel Rahman.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.