Protesto Mulher sobe na base da Estátua da Liberdade e causa fechamento do local A imprensa informou que a mulher pertencia a um grupo de manifestantes contra a política migratória de Trump

Publicado em: 04/07/2018 22:19 Atualizado em:

 (Foto: Jose Romero/Pix11 News/AFP)
A Estátua da Liberdade esteve fechada nesta quarta-feira (4), Dia da Independência americana, porque uma mulher subiu na base da construção e se negou a descer, apesar de um longo diálogo com a polícia.

A polícia de Nova York disse que recebeu ajuda da segurança de parques dos Estados Unidos para retirar a mulher do monumento. 

Meios de comunicação locais informaram que a mulher pertencia a um grupo de manifestantes contra a política de Trump a respeito dos imigrantes em situação ilegal. No entanto, o Rise and Resist NYC, grupo que organizou o protesto, assegurou que a mulher não é afiliada ao grupo. 

Antes do ocorrido, ao menos sete pessoas foram presas por colar um cartaz ao redor da base da estátua no qual se lia "Abolir o ICE", em referência ao Serviço de Imigração e Alfândegas dos Estados Unidos, a agência à frente do debate sobre imigração.

O presidente Donald Trump converteu a luta contra a imigração ilegal no centro da política de sua administração, além da sua já abandonada prática de "tolerância zero" de separar as crianças dos seus pais enquanto tentam entrar ilegalmente no país pela fronteira do México, o que resultou em uma condenação internacional. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.